TELECOM

Senado atrela renovação de outorgas ao bloqueio de celular em presídio

Luís Osvaldo Grossmann ... 08/02/2018 ... Convergência Digital

O Senado Federal aprovou na quarta, 7/2, o projeto de lei 32/18, em mais um texto legal que versa sobre a obrigatoriedade de instalação de bloqueadores de celular em presídios do país. De um lado, o projeto atende uma sugestão das operadoras de que seja utilizado o Fundo Penitenciário Nacional para financiar a instalação desses equipamentos. Mas uma emenda abre brecha para repassar esse custo para as empresas. 

Uma das duas emendas aprovadas, de autoria do senador Romero Jucá, atrela a concessão de novas outorgas ou mesmo a renovação das já existentes ao cumprimento do bloqueio. Além disso, prevê que a partir dessa renovação o custo seja repassado às empresas. Para isso, insere um novo artigo na Lei Geral de Telecomunicações (9472/97): 

“Art. 135-A A concessão de novas outorgas atuais para prestação de serviços de telecomunicações móveis de interesse coletivo, bem como a renovação das atuais, fica condicionada à obrigação de instalação, custeio e manutenção do bloqueio de sinais de tele e radiocomunicações em estabelecimentos prisionais. Parágrafo único. No caso da instalação de bloqueadores prevista no caput ter sido feita pelo Poder Público, nos termos do inciso XVIII do art. 3º da Lei Complementar nº 79, de 7 de janeiro de 1994, caberá às prestadoras, a partir da renovação da outorga, o custeio e a manutenção do bloqueio.”

A proposta original, apresentada pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) dá 180 dias para a instalação dos bloqueadores nos presídios. A outra emenda aprovada, de Lasier Martins (PSD-RS), prevê que caberá à União proceder com a instalação dos equipamentos. 

“Os bloqueadores de telecomunicação para telefones celulares, radiotransmissores e outros meios, conforme determinado pelo art. 4º da Lei n° 10.792, de 1º de dezembro de 2003, deverão ser instalados pela União, com a colaboração dos Estados e do Distrito Federal, no prazo máximo de cento e oitenta dias a contar da publicação desta Lei.”

O projeto segue para a Câmara, que no fim de 2017, um projeto (3019/15) com o mesmo objetivo, mas que deixa a obrigação diretamente com as operadoras, sob pena de multas que podem chegar a R$ 1 milhão. 

Internet Móvel 3G 4G
Anatel propõe novos limites de espectro que facilitam fusões

Fórmula que vai à consulta pública prevê duas faixas de espectro, com limites diferentes até 1 GHz e 3 GHz. Desenho permite a cada tele móvel deter até um terço do espectro licenciado total.

Novo interessado pode salvar posição orbital para o Brasil

Mesmo encerrado prazo da chamada pública, agência deve autorizar a transferência da licença de uso da posição 45 Graus Oeste. 

Teles reclamam que sobram projetos de lei, mas falta avanço estrutural para o setor

Segundo balanço do Sinditelebrasil, 4.031 projetos de lei tramitam com impacto direto ou indireto nas telecomunicações. 

Anatel e Aneel adotaram preço de postes em mais de 30 pedidos de provedores

Segundo o presidente da Anatel, Juarez Quadros, em todos os casos o valor que era cobrado pelas distribuidoras de energia foi reduzido para os R$ 3,17 previstos na resolução conjunta das agências.

Oi sobe o tom e diz que acusações da AIDMIN são 'irresponsáveis e vazias'

Em nota oficial, operadora diz que foram proferidas acusações desprovidas de fundamentos pela 'suposta representante de minoritários' e diz que "os ataques não passam de denúncias vazias lançadas irresponsavelmente, contra a companhia".

GSMA diz que espectro é caro e com preço político na América Latina

Brasil é o país da região com maior oferta de espectro por operadora, 630 MHz. Perde apenas para os Estados Unidos, com 650 MHz. Para entidade, decisões políticas e não forças de mercado definem o valor das radiofrequências. 

Senado atrela renovação de outorgas ao bloqueio de celular em presídio

Projeto prevê uso do Fundo Penitenciário Nacional para a instalação dos bloqueadores, mas emenda admite que o custo seja repassado às operadoras e que licenças só sejam renovadas se medida for aplicada. 


Veja a revista do 61º Painel Telebrasil 2017
Revista do 61º Painel Telebrasil 2017
A edição de 2017 do Painel Telebrasil enfatizou a necessidade de atualização do modelo de telecomunicações e a definição de uma agenda digital para o País.

Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G