09/02/2018 às 11:00
Internet Móvel 3G / 4G


Qualcomm: compra pela Broadcom pode levar a perda de clientes
Convergência Digital

O comando da Qualcomm rejeitou novamente a oferta hostil, agora em US$ 121 bilhões (cerca de R$ 400 bi), feita pela Broadcom. Para a fabricante americana de chips, a proposta não reflete o valor da companhia nem endereça as potenciais dificuldades de aprovação do negócio e ainda pode levar a Qualcomm a perder clientes. 

Em carta de resposta, a Qualcomm diz à Broadcom que “sua proposta não atribui nenhum valor à compra da NXP, nenhum valor para a esperada resolução das nossas atuais disputas sobre licenciamento e nenhum valor para a significativa oportunidade que é o 5G”. 

A Broadcom chegou a pedir uma conversa ainda nesta semana. A Qualcomm, embora tenha rejeitado a nova oferta, indicou que está disposta a negociar, mas não imediatamente. Em carta do presidente da Qualcomm Paul Jacobs ao presidente da Broadcom, Hock Tan, ele pergunta qual é o preço que realmente ele está disposto a pagar. “Precisamos que você seja extremamente claro e específico sobre exatamente quais ações recusará a fazer, de forma que possamos avaliar devidamente os riscos para os acionistas da Qualcomm”. 

No atual estágio, o foco será a reunião de 6 de março no qual os acionistas da Qualcomm decidirão se aceitam a indicação de uma nova diretoria indicada pela Broadcom – ou seja, se os acionistas querem colocar no lugar dos atuais gestores uma turma disposta a fechar o negócio como proposto até aqui. 


Powered by Publique!