INOVAÇÃO

Google segue Facebook e proíbe anúncio de moedas virtuais

Convergência Digital ... 15/03/2018 ... Convergência Digital

O Google vai proibir a veiculação de anúncios de moedas virtuais e de ofertas públicas de moedas (ICOs, na sigla em inglês). A empresa segue os passos do Facebook, que em janeiro já havia tomado decisão similar. O veto do Google foi feito por meio da atualização de sua política de serviços financeiros da empresa, que passa a valer em junho.

A mudança incluída pela empresa não faz menção ao bitcoin ou a criptomoedas. O Google barrou a publicação de anúncios em suas plataformas de “produtos financeiros não regulados ou especulativos, como opções binárias, criptomoedas, mercados de câmbio e contratos diferenciais (CFDs)”.

A restrição imposta pelo Google tem como objetivo coibir a disseminação de golpes. "À medida que evoluem as tendências de consumo e melhoram nossos métodos para proteger a web aberta, também melhoram os esquemas de fraude online", afirmou Scott Spencer, diretor de anúncios sustentáveis da empresa, em nota.

A companhia também divulgou seu último relatório de publicidade digital, no qual afirma que tirou 3,2 bilhões de anúncios que infringiam as diretrizes da plataforma em 2107.

A proibição do Google vem na esteira da mesma medida adotada pelo Facebook em janeiro. A rede social afirmou na época que os anúncios na plataforma não promoveriam "produtos financeiros e serviços frequentemente associados com práticas promocionais enganosas ou falsas, como opções binarias, ofertas iniciais de moedas ou criptomoedas".

“Nós queremos que as pessoas continuem a descobrir e aprender sobre novos produtos e serviços por meio de anúncios do Facebook sem temer serem enganadas ou cair em uma armadilha. Dito isso, há muitas companhias que estão anunciando opções binárias, ICOs e criptomoedas que não são operações com boa fé”, afirmou Rob Leathern, diretor de gerenciamento de produtos do Facebook.

A rede social admitiu que talvez não consiga barrar todos os anúncios que prometam produtos especulativos como os descritos. Para preencher a lacuna, pediu aos usuários que denunciem propagandas com essa configuração.

Fonte: portal G1


TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Lei de Informática: MCTIC atualiza regras para aporte de verba de P&D

Resolução da Secretaria de Políticas Digitais aponta regras gerais e específicas para Instituições de Ensino e Pesquisa, Centros ou Institutos de Pesquisa e Desenvolvimento, além de Incubadoras.

Governo vai usar R$ 1 bilhão da Finep em saneamento, mobilidade e energia

Com conceito amplo do que vale como inovação, programa batizado Cidades Inovadoras promete linhas de financiamento descentralizadas aos municípios.

FAPERJ prioriza quitação de dívidas com startups

Diretor de Tecnologia da entidade de pesquisa, Maurício Guedes, lamenta o fato de o Brasil não ter conseguido, até agora, estabelecer uma conexão entre a Academia e comunidade empresarial.

Inteligência Artificial nos processos tradicionais fica obsoleta

O momento é de Revolução Civilizacional e a saída é a descentralização do poder. "É preciso sofisticar os algoritmos", afirma Carlos Nepomuceno, da Escola Canadense Brasileira de Estratégia Digital.

China Unicom começa a operar no Brasil por meio de cabo submarino

Operadora chinesa é líder do consórcio South Atlantic Inter Link (SAIL) que ativou a conexão, que pode chegar a 32 Tbps, entre as cidades de Kribi, nos Camarões, e Fortaleza, no Brasil.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G