GOVERNO

Decreto cria estrutura multissetorial para cuidar da transformação digital

Luís Osvaldo Grossmann ... 22/03/2018 ... Convergência Digital

Se boa parte da agenda é velha conhecida, uma nova estrutura para cobrança de resultados é o trunfo da Estratégia Brasileira para a Transformação Digital. Decreto presidencial (9.319) assinado nesta quarta, 21/3, reúne Casa Civil, Ciência & Tecnologia, Fazenda, Planejamento, Desenvolvimento e Educação para elencar prioridades nas 100 ações previstas e acompanhar sua implementação.

Essa estrutura de governança da estratégia digital deve ser criada nos próximos 60 dias. Além do comitê de ministérios, será criada uma instância multissetorial de caráter consultivo com setor produtivo, academia e sociedade, na prática resgatando o grupo de trabalho que participou da própria criação da estratégia. Entre as mudanças, a Sepin vira Sepod, ou secretaria de políticas digitais, a quem caberá funcionar como secretaria executiva do sistema nacional para a transformação digital. 

Além da estrutura de acompanhamento, o Decreto alinha os nove eixos norteadores: infraestrutura e acesso; P&D; confiança; educação; dimensão internacional; economia de dados; dispositivos conectados; novos modelos de negócios e cidadania. A estratégia detalhada, com as 100 ações, vêm numa Portaria do MCTIC, mas o conteúdo já pode ser conferido online.

A cobrança de metas e prazos e um comitê formado por ministérios que efetivamente têm poder de decisão é o ponto forte da estratégia, pois pode fazer a diferença em materializar demandas tão antigas quanto o uso efetivo do Fust ou mais recentes como a necessidade de uma lei de proteção de dados pessoais.



Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Pontes faz o primeiro contato com as teles para definir agenda do setor

SindiTelebrasil se reuniu com o ministro Marcos Pontes (MCTIC) e apresentou a agenda que o setor gostaria de ver solucionada pelo novo governo. À mesa estavam a revisão do Marco Regulatório do setor e o recém-aprovado PGMU, com novas metas de universalização.

Vinte e dois anos depois, governo tenta, mais uma vez, criar uma identidade nacional

Mais um Grupo de Trabalho foi montado para fazer o projeto sair do papel. Objetivo é criar uma base digital que unifique documentos diversos como Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Carteira de Trabalho, Título de Eleitor e Certificado de Reservista.

MCTIC quer destravar acordo Telebras/Viasat por banda larga em 100 dias

Em entrevista ao portal do Palácio do Planalto, o ministro Marcos Pontes ambém falou sobre levar robótica para as salas de aula.

Caio Mario de Andrade é o novo presidente do Serpro

Perfil escolhido para a estatal é de um empreendedor da Internet. Vice-presidência ficará com um servidor de carreira, Wilson Biancardi Coury, que estava cedido à Rede Nacional de Pesquisa.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G