NEGÓCIOS

Oracle vira o jogo sobre a Google e ganha disputa bilionária pela linguagem Java

Convergência Digital ... 28/03/2018 ... Convergência Digital

A Corte de Apelações para o Circuito Federal dos Estados Unidos determinou que o Google utilizou indevidamente o código Java ao desenvolver o sistema operacional Android, decidiu a Corte de Apelações para o Circuito Federal dos Estados Unidos, nesta terça-feira, 27/03. A sentenção dá a vitória à Oracle, que entrou em 2010 com uma ação milionária por violação de direitos autorais.

"A opinião do Circuito Federal defende os princípios fundamentais da lei de direitos autorais e deixa claro que o Google a violou. Esta decisão protege os criadores e consumidores do abuso ilegítimo dos seus direitos", disse o vice-presidente da Oracle, Dorian Daley, em uma declaração divulgada pela empresa.

A Oracle entrou em 2011 com uma ação de US$ 9 bilhões contra o Google, acusando a empresa de ter desenvolvido o sistema operacional Android utilizando partes da linguagem Java, criado pela Sun Microsystems, comprada pela Oracle um ano antes, em 2010. O caso foi a julgamento em duas oportunidades desde então. Nesta terça-feira, 27/03, a Corte de Apelações reverteu o veredito dado por um júri, em 2016, que considerou "justo" o uso do Java por parte do Google.

Segundo o site especializado "Ars Technica", que teve acesso à decisão judicial, o processo agora volta para San Francisco, para que um juiz da Califórnia determine quanto o Google deverá pagar. Um porta-voz do Google disse que a empresa está "decepcionada" com a reversão da decisão do júri e que analisará medidas a tomar. "Esse tipo de decisão fará os aplicativos e os serviços on-line mais caros para os usuários", afirmou o porta-voz.

A Oracle afirmou no processo que o Google copiou interfaces de programação do Java (API), cerca de 11 mil linhas de código, para desenvolver o Android, sistema operacional utilizado pela maioria dos dispositivos móveis do mundo. Segundo o "The Wall Street Journal", a decisão terá consequências no desenvolvimento de software de startups, que podem ser mais processadas pelo uso não autorizado de APIs.

*Com agêncicas de noticias e Portal G1


Cloud Computing
Nuvem pública do governo federal começa com apenas nove órgãos

Dos vinte órgãos que manifestarm interesse, apenas nove confirmaram e terão acesso à nuvem do governo federal, que tem pregão estimado para acontecer no quarto trimestre de 2018. A cotação de preços junto aos fornecedores já foi iniciada.

3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

Carlos Ayres Britto participa de seminário nacional de TI da ABES

Ex-presidente do Supremo Tribunal Federal e do Tribunal Superior Eleitoral será o palestrante da 8ª edição do ABES Software Conference, que terá como tema as contribuições da TI para o futuro do Brasil.

Assespro se reposiciona para atrair ecossistema de TI e Inovação

Federação, que está completando 42 anos, com presença em 15 estados e cerca de 2000 empresas associadas, quer atrair as startups para dar uma guinada no mercado de TIC. Com relação ao Governo, Assespro quer provar que cada Real investido, há o retorno de vários reais para a sociedade.

LUCA, empresa de dados da Telefônica, fala sobre transformação digital no MyInova Summit

David Theodore O'Keefe, responsável pelo lançamento da unidade de negócios da operadora no Brasil, é um dos palestrantes do evento que acontece de 01 a 03 de agosto, em Foz do Iguaçu.

MyInova terá rodada internacional de negócios para TICs em Foz do Iguaçu

Expectativa é que mais de 50 empresas participem do evento, entre elas, companhias dos EUA, Canadá, México, Paraguai e Argentina.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G