GOVERNO

TCU: Apenas 14 órgãos têm índices de governança aceitáveis

Luiz Queiroz ... 03/04/2018 ... Convergência Digital

O  Tribunal de Contas da União realizou uma pesquisa junto a 581 organizações governamentais em 2017 para aferir o grau de governança desses entes federativos. E constatou que apenas 14 estariam na margem dos bons resultados em todas os quesitos de governança: Corporativa, de Pessoas, de contratações, de Tecnologia da Informação e de Resultados Finalísticos. O tribunal evita citar os organismos avaliados em pesquisa.

Esse trabalho do TCU dá continuidade a outros levantamentos feitos pela Corte de Contas desde 2012, em relação aos temas: governança e gestão. Para o órgão, a grande maioria das organizações federais não possui capacidade razoável de entregar à sociedade o que delas se espera. "Seja por deficiências em liderança, estratégia ou accountability, seja por carências na gestão das operações (planejamento, execução e controle)".

Segundo o tribunal, o "cenário mais preocupante" é o de gestão de pessoas. Cerca de 69% das organizações estão no estágio inicial. Já a gestão de contratações e de TI também revela quadro crítico com, respectivamente, 56% e 50% da amostra em estágio inicial.

Quanto ao índice de governança pública, foi quem apresentou a melhor situação. Cerca de 41% dos organisos estão em estágio inicial, 48% em estágio intermediário e 10% em estágio aprimorado. Entretanto, para o tribunal, "isso tampouco implica que as organizações estejam em situação satisfatória no campo da governança", afirma.

O ministro Bruno Dantas apresentou seu relatório final no dia 21 de março e foi aprovado pelo plenário do TCU. CDTV do portal Convergência Digital gravou a apresentação do ministro, em que ele alerta para o problema da falta de governança na Administração Federal.


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Pontes faz o primeiro contato com as teles para definir agenda do setor

SindiTelebrasil se reuniu com o ministro Marcos Pontes (MCTIC) e apresentou a agenda que o setor gostaria de ver solucionada pelo novo governo. À mesa estavam a revisão do Marco Regulatório do setor e o recém-aprovado PGMU, com novas metas de universalização.

Vinte e dois anos depois, governo tenta, mais uma vez, criar uma identidade nacional

Mais um Grupo de Trabalho foi montado para fazer o projeto sair do papel. Objetivo é criar uma base digital que unifique documentos diversos como Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Carteira de Trabalho, Título de Eleitor e Certificado de Reservista.

MCTIC quer destravar acordo Telebras/Viasat por banda larga em 100 dias

Em entrevista ao portal do Palácio do Planalto, o ministro Marcos Pontes ambém falou sobre levar robótica para as salas de aula.

Caio Mario de Andrade é o novo presidente do Serpro

Perfil escolhido para a estatal é de um empreendedor da Internet. Vice-presidência ficará com um servidor de carreira, Wilson Biancardi Coury, que estava cedido à Rede Nacional de Pesquisa.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G