Convergência Digital - Home

Brasil precisa de mais competição no mercado de data centers

Convergência Digital
Por Roberta Prescott* - 03/04/2018

O mercado brasileiro de datacenter está em alta e há oportunidades para empresas investirem nesta área. Sem fornecer números específicos do mercado, Henrique Cecci, diretor de pesquisas do Gartner, explicou, durante coletiva de imprensa da Conferência Gartner Infraestrutura de TI, Gestão de Operações e Data Center 2018, nesta terça-feira, 03/04, que haverá construção de novos data cent

ers no País, uma vez que o Brasil precisa de mais capacidade computacional.“O Brasil é carente de datacenters. Temos um déficit de infraestrutura computacional corporativa, tanto que, quando são lançados datacenters, eles são rapidamente saturados. Isto mostra que existe demanda para este tipo de produto”, destacou. A necessidade computacional reside também no fato de que todas as aplicações, tais como BI ou analytics, precisam de infraestrutura para rodar. 

Cecci ressaltou a importância da localização física dos novos datacenters (devido à latência) e apontou que construir datacenters no Norte e Centro-Oeste do País faz muito sentido. No entanto, ele apontou que devem ser observadas as questões de custos para que o modelo de negócios feche. “O brasileiro gosta de boutique, de datacenter bonito, com vidros, tier 3. É diferente dos Estados Unidos onde muitos datacenters são galpões, tier 2, construídos com custos otimizados”, comentou.

Para ele, construir infraestrutura como é feito nos EUA poderia ser uma alternativa para regiões até hoje pouco exploradas. O mercado de datacenter ainda é pouco competitivo, com poucos players atuando. De acordo com Cecci, o projeto de lei 6304/13, do deputado João Arruda (PMDB-PR), que institui regime especial de desoneração tributária para a instalação e a manutenção de centros de processamento de dados (data centers) no Brasil, é uma boa ideia. “Acho que precisa de planejamento, de distribuição de forma inteligente da capacidade computacional no País e de mais competição”, completou.

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email Addthis


Bradesco, Dataprev e Equinix são destaque em datacenter no Brasil
Organizações foram as vitoriosas da edição 2017 do DCD Awards da América Latina. Conheça os destaques da região no segmento de datacenters.

Destaques
Destaques

Chips com Inteligência Artificial são aposta da Huawei para negócios na nuvem

A fabricante chinesa anunciou dois novos chips especialmente voltados para o mercado de nuvem e direciona seus negócios para enfrentar Qualcomm e Intel no segmento de servidores.

Com 57% das empresas usuárias da nuvem, Brasil lidera tecnologia na América Latina

Principal uso, no entanto, ainda é restrito ao armazenamento de informações, segundo estudo patrocinado pela Citrix na região.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Dados são os dividendos dos tempos atuais

Por Wilson Grava*

Cada vez mais, precisamos ser capazes de analisar e reagir rapidamente aos dados criados. Os últimos dois anos foram responsáveis pela geração de 90% dos dados existentes no mundo.

Dos ambientes offline à estratégia MultiCloud

Por Fabio Gordon*

É preciso reconhecer a necessidade de mudança, entender que o seu data center de 20 anos não vai mais suportar os negócios digitais. É imprescindível fazer um diagnóstico do seu ambiente de TI e começar a mudar. E rápido, porque é provável que os seus competidores já estejam fazendo isso.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site