Convergência Digital - Home

Brasil gerou uma receita de R$ 2,7 bilhões em serviço de infraestrutura na nuvem na América Latina

Convergência Digital
Ana Paula Lobo* - 16/04/2018

A implementação de novas tecnologias como a Internet das Coisas, Big Data e inteligência cognitiva nos negócios e a adoção de serviços gerenciados em nuvem impulsionaram o mercado de Infraestrutura como Serviço (IaaS) na América Latina. Segundo dados da consultoria Frost & Sullivan, a receita nesse setor chegou a US$ 1,8 bilhão em 2017. Até 2022, a projeção é que essa receita cresça mais de 300% e alcance US$ 7,4 bilhões, com uma taxa de crescimento anual de 31,9%.

No ano passado, o Brasil representou 50,7% do total de negócios de IaaS, o que determinou uma receita de R$ 2,7 bilhões no ano passado no segmento, seguido pelo México com 22,9%, Chile com 7,9% e Colômbia com 6,5%. O estudo da Frost & Sullivan destaca que para capitalizar as oportunidades de crescimento, os provedores de serviços devem oferecer soluções end-to-end em nuvem e integrar recursos para suportar indústrias conectadas.

"Para extrair o máximo da nuvem, as empresas estão aumentando o investimento em infraestruturas híbridas que combinam várias configurações, como nuvem privada on premises, nuvem pública, nuvem privada hospedada e nuvem bare-metal", disse Renato Rosa, Gerente do Programa de Serviços de TI e Aplicações na Frost & Sullivan. "Outras tendências que tendem a se expandir na região são as ofertas de serviços gerenciados e a ascensão de provedores Multicloud".

Ainda conforme a consultoria, o mercado de pequenas e médias empresas representa mais de 40% da receita recorrente em provedores públicos de nuvem, mas, apesar desse número ser grande, ainda está muito abaixo do potencial desse mercado, o que significa grandes oportunidades de negócios.

*Com informações da consultoria Frost & Sullivan


Destaques
Destaques

Mais que frequência, 5G exige muita fibra e muita nuvem

Operadoras terão, com infraestrutura, capacidade de ter serviços tão rápidos quanto os ofertados pela TI, preconizou o diretor-executivo de Business Network Consulting da Huawei América Latina,  Guillermo Solomon.

CNJ alega risco à segurança nacional e suspende contrato do TJ/SP com a Microsoft

Para o conselheiro Márcio Schiefler Fontes, o TJ/SP entregou à Microsoft o controle total sobre a tramitação processual do maior tribunal do país.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Intuição versus análise de dados na gestão

Por Douglas Scheibler*

O poder decisório significa alta responsabilidade e inúmeros riscos. Neste cenário caótico, analisar dados é indispensável e é o que justifica uma determinada medida ser considerada como correta, em um cenário específico, em detrimento de outras.

Data Centers: agora é hora de ver acontecer

Por Gilberto Gonzaga*

O que recentemente era apenas uma tendência já pode ser observado na prática. A expectativa, agora, é que esses movimentos se consolidem cada vez mais e nos levem a uma nova era de conectividade, da qual a América Latina não ficará de fora.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site