GESTÃO

eSocial: Terceira fase de implantação começa no dia 01 de maio

Convergência Digital ... 16/04/2018 ... Convergência Digital

O calendário definido na Resolução do Comitê Diretivo do eSocial nº 3, de 29/11/2017, estabele que a terceira fase de implantação do eSocial, para empresas com faturamento superior a R$78 milhões, incluídas no primeiro grupo, começa no dia 01 de maio. Nessa etapa, empresas com faturamento anual superior a R$78 milhões precisam incluir no sistema dados referentes às folhas de pagamento no sistema, os chamados eventos periódicos.

Apesar de a terceira fase se iniciar no dia 1º/05, o web service estará disponível para recebimento dos eventos periódicos apenas a partir de 08 de maio, utilizando a versão 2.4.02 do leiaute, incluindo os ajustes constantes nas Notas Técnicas nº 01 e 02. Esta medida visa a garantir uma melhor performance do sistema, pelo aumento de acessos pelos empregadores domésticos até o dia 07.

Veja as seguintes orientações:

Os dados dos eventos de folha devem abranger todo o mês de maio, desde o dia 1º.

Caso haja desligamento entre 1º e 07 de maio, o evento de desligamento (S-2299 ou S-2399) deverá ser enviado a partir do dia 08, incluindo as informações de verbas rescisórias (grupo verbasResc).

Os eventos não periódicos (admissões, afastamentos, férias, etc.), além dos eventos iniciais e de tabelas, continuam sendo recebidos normalmente pelo sistema, inclusive no período de 1º a 07.

*Com informações do portal eSocial


EFD-Reinf: entenda os prazos de entrega e os impactos nos ERPs

O envio das informações ao Reinf é de cunho obrigatório e deve ser feito por empresas jurídicas, mesmo imunes e isentas, que sejam responsáveis pela retenção de impostos.

STF não atende Fazenda e reafirma que ICMS não compõe a base do PIS e da Cofins

Colegiado da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal manteve integralmente a decisão do ministro relator, Marco Aurélio.

Haroldo: o robô especialista em defesa do consumidor

Empresa responsável diz que ferramenta é uma alternativa privada para a solução de conflitos que envolvem milhares de usuários lesados.

EFD-Reinf: A “irmã” do eSocial que a sua empresa precisa prestar a atenção

Assim como o eSocial, o módulo do SPED vai substituir obrigações impostas aos contribuintes e empregadores, entre elas, a DIRF – Imposto de Renda Retido na Fonte e a GFIP – Informações à Previdência Social.

Pagar imposto tem de ser menos complicado no Brasil

O governo digital é medida estratégica de desburocratização do governo, afirma o secretário executivo da Casa Civil, Daniel Siegelmann.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G