Home - Convergência Digital

5G quer a faixa de 600 Mhz, hoje, usada pelas TVs

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 17/05/2018

O 5G vai exigir mais espectro para a oferta dos serviços e o momento é o de acelerar a limpeza de faixas, adverte a 5G Americas. Em abril, a entidade informa que na América Latina foram concedidos para serviços móveis 354,3 MHz em média, cerca de 18,1% da sugestão de espectro pela União Internacional de Telecomunicações (UIT) para 2020 (1.960 MHz), sugestão realizada antes de considerar a 5G. Para 5G, mais de 13.900 MHz foram identificados de forma agregada, levando em conta faixas acima e abaixo da marca dos 6 GHz.

Esta capacidade está incluída no Release 15 do corpo de padronização 3GPP (3rd Generation Partnership Project), que definirá o primeiro conjunto de padrões da 5G. Entre eles, figuram especificações para a Nova Radio 5G (5G NR), que incluem bandas de espectro distribuídas em dois intervalos amplos: bandas abaixo dos 6 GHz e acima dos 24,25 GHz.

A entidade sugere que é preciso acelerar a limpeza de faixa de tecnologias como a de 600 MHz, usada por canais de televisão, tanto quanto a de 3,5GHz. Neste intervalo, sugere a 5G Americas, existem pelo menos 2.650 MHz que podem ser aproveitadas no futuro para dar capacidade para as redes 5G. Concretamente, bandas como 600 MHz, 24 GHz e 28 GHz têm sido utilizadas para realizar testes da 5G e comtemplam espaços que podem ser harmonizados para uso como algumas das primeiras bandas 5G.

No entanto,adverte a 5G Americas, requerem ações para permitir seu uso para serviços móveis, como completar o segundo dividendo digital (600 MHz) e estabelecer mecanismos de compartilhamento ou reorganização em bandas como 24 e 28 GHz, mesmas bandas que poderiam ser leiloadas nos Estados Unidos no final de 2018.


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

09/08/2018
Anatel vai destinar faixa de 2,3 GHz para 5G

02/08/2018
EUA marcam primeiro leilão 5G para 14 de novembro

02/08/2018
5G precisa mostrar a que veio para não desapontar

30/07/2018
T-Mobile e Nokia fecham contrato mais caro de 5G

26/07/2018
Anatel tenta mais uma vez leiloar faixa de 3,5 GHz,agora, para o 5G

16/07/2018
Ericsson, Intel e Telstra anunciam chamada 5G em 3,5GHz

10/07/2018
China Mobile contrata a Nokia em acerto de 1 bilhão de euros

26/06/2018
Huawei seleciona brasileiros para capacitação na China

22/06/2018
5G: redes comerciais na América Latina em 12 a 18 meses

28/05/2018
Licitar 5G em 2019 vai deixar Brasil para trás

Destaques
Destaques

4G já alcança metade dos celulares no Brasil

No fim do primeiro semestre de 2018, país contava com 118 milhões de chips de quarta geração.

Banda larga móvel: América Latina cobra até três vezes mais pelo espectro

"Políticas de espectro que aumentam os preços e concentram-se em ganhos de curto prazo são incompatíveis com a economia digital", adverte o diretor da GSMA, Sebastián Cabello.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

A IA vai virar a economia de "cabeça para baixo" como um tsunami!

Por: Eduardo Prado *

O impacto só não vai ser mais ser mais rápido nas economias dos países por causa da falta de mão de obra de Inteligência Artificial por conta da carência de especialistas como cientistas de dados.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site