TELECOM

Em 10 dias, operadoras bloqueiam 1 em cada 344 celulares

Luís Osvaldo Grossmann ... 18/05/2018 ... Convergência Digital

A Anatel informou nesta sexta, 18/5, que nos primeiros 10 dias de implementação do sistema de gestão de aparelhos irregulares foram bloqueados 37 mil celulares. A experiência ainda é restrita aos telefones dos DDDs 61 e 62, Distrito Federal e Goiás. Mas por enquanto sugere um impacto muito menor do que chegou a ser cogitado durante os embates para a implementação do bloqueio.

Afinal, os 37 mil aparelhos impedidos desde 9/5 representam 1 em cada 344 celulares, uma pequena fração dos 12,7 milhões habilitados na capital e no estado vizinho. No auge dos embates entre fabricantes e operadoras pelo sistema SIGA, o mercado adotou a projeção de que 1 milhão de celulares irregulares entram nas redes a cada mês. Seria 5% da base total. Se os 0,3% de celulares bloqueados no DF e Goiás servirem de parâmetro para o resto do país, o problema é muito menor que o esperado.

Por irregulares, o sistema considera aqueles que não possuem IMEI válido, ou seja, o código internacional de 15 números gerido pela Associação GSM que serve como referência para os aparelhos “legítimos” que são vendidos no globo. Já os celulares “piratas” não possuem IMEI válido, ou usam números clonados. A Anatel sustenta que IMEIs inválidos são 95% dos casos de irregularides, e esses são os alvos do sistema atual.

A ideia é que a atual fase sirva de validação do sistema, com avaliação dos resultados pela agência e pelo mercado. Em princípio, um cronograma prevê a expansão do bloqueio a partir de dezembro deste ano, primeiro nos demais estados do Centro-Oeste, Sul, São Paulo, Acre, Rondônia e Tocantins. O restante do Sudeste e o Nordeste passariam a adotar em março de 2019.


Revista do 62º Painel Telebrasil 2018
Veja a revista do 62º Painel Telebrasil 2018 Brasil Digital: O futuro é agora - é o tema da revista do Painel Telebrasil 2018.
Edição, com 104 páginas, consolida os debates realizados no evento, que reuniu a indústria de Telecomunicações.
Clique aqui para ver outras edições

Celulares terão que indicar taxa de radiação emitida

Ao revisar o regulamento que trata da exposição eletromagnética, Anatel prevê 120 dias para que os equipamentos vendidos tragam a informação nas caixas ou manuais.

TV paga: pirataria tem mais 'assinantes' que a Netflix no Brasil

Consultoria Business Bureau diz que a OTT possui 18% do mercado de assinatura de streaming de vídeo. A Globo Play fica na segunda posição, mas com apenas 4%. Pirataria no Brasil fica bem acima da média da América Latina.

Justiça mantém Pharol e Nelson Tanure fora da Oi até aporte de capital

Juiz Fernando Viana, da 7ªVara Empresarial do Rio de Janeiro, manteve a suspensão dos direitos políticos dos conselheiros e diretores da Oi ligados aos grupos.

GSMA: Parceria em conteúdo é melhor para teles que produção própria

Apesar de iniciativas em investir nesse campo, estudo da associação destaca que licenciamento de conteúdo é caminho mais realista para teles.



Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G