INCLUSÃO DIGITAL

Kassab: Não há possibilidade de romper o contrato da Telebras com a Viasat

Ana Paula Lobo ... 05/06/2018 ... Convergência Digital

"Não há nenhuma possibilidade de romper o contrato com a Viasat e fazer um novo leilão para o uso do satélite e para o programa Internet para todos", afirmou o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação, Gilberto Kassab, ao ser indagado sobre a disputa judicial, que está no Supremo Tribunal Federal, durante a sua participação no Encontro Nacional da Abrint 2018, em São Paulo, nesta terça-feira, 05/06.

Kassab insistiu que a Telebras vai manter a sua posição na Justiça - mesmo sofrendo derrotas seguidas. Segundo o ministro, há a convicção que tudo que foi feito está correto e a estatal vai reverter as decisões contrárias à companhia.

Com relação ao projeto Internet para Todos, no entanto, o ministro adotou um tom conciliador. Assegurou que é possível recuperar esse tempo 'perdido' com a disputa judicial. "O projeto vai andar", sustentou. A questão é que a Telebras já desativou conexões instaladas em Roraima com as antenas Vsats da Viasat, por conta da multa de R$ 5,1 milhões imposta pela Justiça do Amazonas.

Com relação ao GESAC, projeto para o governo federal de inclusão digital via satélite, hoje, prestado por um consórcio de teles- Embratel, Oi e Telefônica - Kassab não quis se comprometer. Sem o SGDC funcionando, há a negociação para fazer um aditivo e prorrogar o contrato e, assim, assegurar os serviços prestados. "Não há ainda posição fechada. Tudo está sendo estudado", completou Kassab.


Carreira
Marketplace móvel faz hackathon para área de pagamentos

Grupo Movile promove os desafios nas cidades de Recife e São Carlos (São Paulo) no mês de fevereiro.Selecionados vão receber diversos tipos de treinamentos online e terão auxílio dos mentores especiais, entre eles, Flavio Stecca, CTO do iFood.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Viasat: TCU controla viabilidade de acordo com Telebras

Segundo a vice presidente da empresa, Lisa Scapone, a demanda existe e pode ser medida pelo Gesac, mas operação comercial no Brasil depende dos ajustes no contrato para uso do satélite nacional.

PC fica cada vez mais distante da população mais pobre no Brasil

Dados do IBGE revelam que os mais pobres do País trocaram os PCs pelos celulares e tablets. A proporção da população com acesso à internet no domicílio passou de 67,9% em 2016 para 74,8% em 2017.

Parceira da Telebras amplia WiFi via satélite no México para áreas urbanas

Dois anos depois de começar a explorar banda larga satelital em áreas remotas do país, como promete fazer no Brasil, a empresa americana Viasat anuncia conexões de 100 Mbps e preços para competir com internet fixa.

Para TCU, políticas desconexas desperdiçam dinheiro com inclusão digital

Ao citar a política de Banda Larga, Tribunal observa que a falta de coordenação gera redundância, falta de isonomia e obstáculos à oferta de serviços.

CPFL: É preciso predisposição para se ter um consenso no uso dos postes

"Não é fácil, mas é preciso existir um alinhamento. Estão todos do mesmo lado", diz o diretor da CPFL, André Luiz Gomes.

Swap de fibras é mandatório para levar banda larga em regiões desassistidas

Compartilhamento de infraestrutura é essencial para reduzir custos e definir modelos de negócios nas cidades onde as teles não investiram, observa o CEO da UmTelecom, Rui Gomes.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G