GOVERNO » Legislação

STF derruba decisão do Congresso e cancela voto impresso

Luís Osvaldo Grossmann* ... 06/06/2018 ... Convergência Digital

Sem qualquer menção aos sucessivos sucessos de violação da urna eletrônica em testes promovidos pelo próprio Tribunal Superior Eleitoral, a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal entendeu por bem derrubar uma decisão tomada pelo Congresso Nacional de exigir a impressão do voto.

Julgaram nesta quarta, 6/6, um pedido liminar da Procuradoria Geral da República, parte da ação direta de inconstitucionalidade que tenta eliminar definitivamente a impressão do voto. Assim, por enquanto a lei não vale para as eleições de 2018. Mas o placar de 8 a 2 já sinaliza como será o julgamento do mérito.

Não por menos, Luiz Fux, que não votou por ter se posicionado contra a previsão legal como presidente do TSE, já avisou que vai cancelar a turbulenta licitação para compra de 30 mil impressoras que seriam instaladas ainda para o pleito deste ano. O pregão, no entanto, foi concluído, com vitória de uma empresa (CIS Eletrônica) por R$ 57 milhões e aceitação pelo Tribunal.

Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Marco Aurélio Mello, Rosa Weber, Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e Cármen Lúcia acompanharam o voto de Alexandre de Moraes que apontou para o risco de quebra de sigilo do voto com a impressão, especialmente se mesários resolverem praticar algum crime. Não ficou claro como a não impressão evita mesários “espúrios”, para usar o termo de Moraes.

Os únicos a votar contra o pedido da PGR e assim manter o voto impresso foram Gilmar Mendes e José Dias Toffoli. Mendes, especialmente quando presidia o TSE, sempre se manifestou contrário à impressão do voto. Mas como relator do processo, sustentou que a exigência do voto impresso foi decisão legítima do Congresso Nacional.

Há mais de uma década parlamentares tentam instituir a impressão do voto como forma de garantir alguma auditabilidade sobre o sistema eletrônico de votação. E embora o ministro Luis Roberto Barroso tenha dito que não há registro de quebra de segurança, ela já foi comprovada pelo menos duas vezes, a primeira em 2012, outra no ano passado, em testes promovidos pelo próprio TSE.  

* Com informações da Agência Brasil


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Félix Mendonça Junior (PDT-BA) é o novo presidente da CCT da Câmara

Parlamentar que dar atenção especial  para a discussão da chegada do 5G no Brasil e também nas novas tecnologias, entre elas, o reconhecimento facial.

Dataprev registra aumento de 10% no lucro e alcança R$ 151 milhões em 2018

Segundo relatório da administração, receitas cresceram 2,9%, enquanto os custos subiram 2%. Investimentos chegaram a R$ 182 milhões. Maior parte dos recursos foi gasto em segurança da Informação e nas licenças Oracle. Governo deve quase R$ 400 mil reais à estatal.

Ex-VP de TI da Vivo assume comando da Dataprev

Christiane Edington, que ficou oito anos à frente da área de tecnologia da operadora, tomou posse na quinta, 28/2, durante reunião do conselho de administração da estatal.

Telebras vai agir para ser lucrativa e não ser vendida no Governo Bolsonaro

“Queremos implantar parcerias e empreender novos ritmos, com metas atingíveis e consolidar o nome da Telebra”, afirmou o novo presidente da estatal, Waldemar Ortunho Junior, em primeiro encontro com funcionários. Ministro Marcos Pontes participou da reunião.

Servidores da Dataprev fazem abaixo-assinado contra privatização

Documento digital defende que estatal dá lucro há mais de uma década e controla dados previdenciários de 35 milhões de brasileiros.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G