INCLUSÃO DIGITAL

TV Digital: Sobras de recursos devem comprar mais conversores

Luís Osvaldo Grossmann ... 08/06/2018 ... Convergência Digital

O ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, baixou uma portaria na qual determina que as sobras de recursos da Seja Digital, ou EAD, o braço operacional da transição para a TV Digital, devem ser transformados em novos kits de conversor e antena que permitem a recepção dos sinais digitais mesmo em televisores analógicos. A ordem está no Diário Oficial da União desta sexta, 8/6.

O presidente da Seja Digital, Antonio Martelletto, diz que falta muito para se saber efetivamente se vai sobrar dinheiro, ou quanto será, e evita indicar um montante. “Além da distribuição dos kits, o trabalho envolve remanejamento e mitigação e a conclusão disso só se dará lá para meados de 2019. Por isso não temos ainda como saber se haverá sobra efetiva”, afirmou.

No Gired, o grupo responsável por coordenar a transição digital que reúne governo, Anatel, operadoras móveis e emissoras de televisão, há uma área de acompanhamento financeiro. Com base nos R$ 3,6 bilhões destinados aos kits e ao ressarcimento de emissoras pela ‘limpeza’ da faixa de 700 MHz, as projeções dão conta que pode sobar cerca de R$ 600 milhões.

A estimativa leva em conta que a Seja Digital já comprou cerca de 14 milhões de conversores, o que por si teria custado algo próximo a R$ 2,8 bilhões. Mantido esse custo, as sobras poderão ser transformadas em cerca de 3 milhões de novos kits, que permitem a televisores antigos receber sinais digitais e com isso funcionar mesmo após o desligamento dos sinais analógicos.

Embora as conversas no Gired já viessem indicando a compra de mais conversores como melhor destinação das sobras, a portaria do ministro não agradou à Anatel. É que no edital da faixa de 700 MHz está previsto que caberá ao Conselho Diretor da Anatel a palavra final sobre o que fazer com o eventual saldo remanescente da transição digital.


Viasat alega que TCU já atestou legalidade do contrato com Telebras

Para empresa americana, agravo contra o acordo movido pela Procuradoria Geral da República é baseado em mal entendidos.

America Net: Programa WiFi Livre SP une risco e oportunidade de negócios

Operadora investirá R$ 20 milhões na iniciativa e aposta que o retorno virá com a exposição da marca junto aos assinantes, revela o vice-presidente, José Luiz Pelosini. America Net vai ter 619 pontos de acesso WiFi gratuito público na capital paulista.

Um terço das casas no Brasil usam antenas parabólicas

Segundo o IBGE, são 23 milhões de domicílios, bem espalhados pelo país. Isso revela o problema que a Anatel terá para mitigar as interferências e liberar a faixa de 3,5GHz para o 5G.

Internet chega a 3 de cada 4 domicílios no Brasil

Nas mãos de 84% dos brasileiros, o celular é o típico aparelho para uso da rede. Mas as conexões fixas já alcançam 73% dos lares do país, conforme dados da PNAD Contínua TIC 2017, do IBGE. Mas quase 30% da população ainda acha que o acesso à Internet é caro.

Viasat: TCU controla viabilidade de acordo com Telebras

Segundo a vice presidente da empresa, Lisa Scapone, a demanda existe e pode ser medida pelo Gesac, mas operação comercial no Brasil depende dos ajustes no contrato para uso do satélite nacional.

Anatel indica que banda larga móvel pode ficar com sobras da TV Digital

“Edital tinha dois objetivos: a transição do sistema de TV digital e o desenvolvimento da banda larga móvel no país”, afirma presidente da agência, Leonardo de Morais. Saldo chega a R$ 877 milhões.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G