Convergência Digital

Correntista elege o celular como principal meio de relacionamento com os bancos

Da redação - 11/06/2018

O aumento da utilização do banco por meio de aparelhos celulares puxou o crescimento de 10% no número de transações bancárias em 2017, saindo de um total de 65,4 bilhões em 2016 para 71,8 bilhões no ano passado. De acordo com a pesquisa Febraban de tecnologia bancária, divulgada nesta quinta-feira (03/05), o mobile banking saltou de 18,6 bilhões de transações em 2016 para 25,6 bilhões, enquanto as feita pela internet foram 15,5 bilhões em 2016 e 15,8 bilhões em 2017.

Somadas, as transações pelos canais digitais tiveram crescimento de 30%, enquanto os canais tradicionais tiveram queda, e hoje representam 58% do total de transações bancárias no País."O crescimento foi basicamente puxado pelo mobile, devido a alguns fatores como os bancos disponibilizando mais operações pelo celular, os clientes gostando e usando mais e a jornada boa, a facilidade de uso, faz com que você acesse mais vezes o banco pelo celular", explicou Gustavo Fosse, diretor-setorial de tecnologia e automação bancária da Febraban.

O banco pelo celular já representa pouco mais de um terço (35%) das transações bancárias, à frente da internet (22%), ATMs (14%) e PoS (13%). Outro dado que comprova que o celular virou o meio preferido para interação com o banco é o número de transações com movimentação bancária, que teve aumento de 70%. Em 2017, foi 1,7 bilhão de transações com movimentação contra 1 bilhão de 2016 — a maior parte das interações (23,9 bilhões) ainda é para fazer consultas, por exemplo, de salto. Fosse assinala que entre os dois anos muitos bancos passaram a oferecer soluções de crédito pelo celular, o que contribui para o incremento.

No entanto, os canais tradicionais (agências, ATMs, correspondentes e contact center) ainda são os principais para a realização de transações com movimentação financeira: somados, os meios tradicionais fizeram 10,8 bilhões de transações, contra 9,4 bilhões em PoS e 5,3 bilhões nos canais digitais. Uma análise em perspectiva, levando-se em conta os últimos anos, observa-se uma leve queda nos meios tradicionais e aumento tanto nos canais digitais quanto nos PoS.

Já nas transações sem movimentação financeira, os canais digitais lideram. Pela facilidade em consultar saldos, extratos, cotar financiamentos e outros, o acesso pelo celular ou internet representam 78% do total. Ao comentar os resultados da pesquisa, Fosse assinalou que o maior uso do celular e da internet refletem uma importante mudança de comportamento do cliente, que tem dado preferência a sacar menos e fazer mais transferências ou optar pelo cartão.

"Há uma busca pela conveniência", disse, mostrando o crescimento de 85% no pagamento de contas pelo celular e de 25% pela internet; e aumento de 45% no número de transferências (DOC/TED) usando o canal móvel. A pesquisa também mostrou que as contas 100% mobile banking somavam 1,6 milhão em 2017, mais que o dobro dos 591 mil de 2016.


Bradesco: novos concorrentes vão vir da inovação, mas competição não assusta

Para o diretor de Canais Digitais do Bradesco, Marcelo Frontini, não importa de onde venha o competidor se o cliente estiver satisfeito com o serviço prestado.

5G vai impulsionar serviços que precisam de baixa latência

Nova tecnologia vai estar inserida em qualquer segmento de mercado, sustenta Carlos Alberto Camardella, consultor de Engenharia de Telecom da Claro Brasil.

Smartphones abrem novo ciclo de bancarização no Brasil

Quase metade da população brasileira ainda não é bancarizada e as novas tecnologias, em especial, as criadas para os dispositivos móveis vão gerar produtos melhores e preços também melhores para romper a barreira de entrada, diz o chairman da Everis, Antonio Carlos Valente.

BRQ: análises de dados são fonte extraordinária de novas receitas

Para o vice-presidente de Serviços Financeiros da empresa, José Antônio Afonso Pires, os bancos vão criar ainda mais valor com o uso das novas tecnologias, em especial, do big data e do blockchain.


Ciab Febraban 2018 - clique aqui e confira a cobertura completa.
Editora Convergência Digital
Copyright © 2005-2018 Editora Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site