NEGÓCIOS

Justiça dos EUA libera compra da Time Warner pela AT&T

Luís Osvaldo Grossmann* ... 12/06/2018 ... Convergência Digital

A Justiça dos Estados Unidos liberou nesta terça, 12/6, a compra da Time Warner pela AT&T, negócio de US$ 85,4 bilhões anunciado ainda em outubro de 2016. O governo americano, por meio do Departamento de Justiça, contestou a compra, mas a decisão anunciada não faz qualquer restrição nem impôs condições às empresas envolvidas.

Segundo a CNBC, a AT&T espera concluir o negócio em menos de uma semana, correndo contra uma eventual contestação da decisão desta terça pelo governo de Donald Trump. Com a compra, a maior empresa de telefonia fixa dos EUA, segunda móvel e ainda dona da DirecTV passa a ser também dona de conteúdos como HBO, CNN e o estúdio Warner Bros.

No Brasil, o Cade aprovou a aquisição com condicionantes, entre elas, está a manutenção da Sky Brasil e das programadoras de canais Time Warner como pessoas jurídicas separadas e com estruturas de administração e governança próprias. Mas uma medida cautelar da Anatel, de dezembro de 2017, impede qualquer efeito prático do negócio por aqui até a palavra final da agência, que vinha esperando a decisão da Justiça dos EUA.

Os sinais são de que a decisão favorável ao negócio bilionário vão levar a Comcast, maior operadora de cabo e provedora de acesso a internet nos EUA, a insistir na disputa com a Disney para ficar com a Fox, em aquisição que ainda envolve uma fatia da operadora de satélite britânica Sky. No fim do ano passado, a Disney anunciou o negócio por US$ 52 bilhões, mas a Comcast estaria disposta a superar a oferta e pagar US$ 60 bilhões.

* Com informações da CNBC


Cloud Computing
Embratel une Open Stack à rede definida por software em serviços na nuvem

Nuvem pública especializada e feita sob demanda para os clientes empresariais é a estratégia da  operadora para avançar no segmento de cloud. "Não vamos concorrer com a nuvem pública, mas o nosso serviço é desenhado para atender ao negócio", diz o diretor-exeutivo da Embratel, Mario Rachid.

3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

Fujifilm ameaça abandonar acordo de US$ 6.1 bilhões com a Xerox

Prazo máximo para fazer valer o acerto, anunciado em janeiro, é de seis meses.

Imposto em excesso para Telecom ameaça a economia digital no Brasil

A pesada carga tributária sobre o setor de telecomunicações é uma ameaça ao desenvolvimento do Brasil na era da economia digital, na análise do professor Fernando Rezende, da Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas (Ebape) da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Com iZettle, PayPal entra na 'guerra das maquininhas' no Brasil

Aquisição da startup custou US$ 2,2 bilhões. No Brasil, a sueca iZettle tem manufatura local das maquininhas na Zona Franca de Manaus com o objetivo de atender pequenos comerciantes.

Banco Votorantim assume custódia e movimentação das contas da fintech Neon

Instituição substituirá o Banco Neon, que sofreu liquidação extrajudicial do Banco Central.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G