NEGÓCIOS

Assespro se reposiciona para atrair ecossistema de TI e Inovação

Ana Paula Lobo e Pedro Costa, de Foz do Iguaçu ... 02/08/2018 ... Convergência Digital

A Assespro anunciou nesta quinta-feira, 02/08, no My Inova Summit, evento realizado pela Assespro Paraná, em Foz do Iguaçu, um reposicionamento de atuação, e por consequência, também de marca. Aos 42 anos, a Federação Assespro, com presença em 15 estados e com a associação de mais de 2000 empresas, quer unir a maturidade das companhias tradicionais à inovação das startups nacionais e estrangeiras.

"O ecossistema de TI e Inovação no Brasil ainda é muito novo. Podemos fazer mais se houver uma união de esforços", explica Ítalo Nogueira, presidente da ASSESPRO Pernambuco/Paraíba e Diretor Nacional de Startups em entrevista à CDTV, do Convergência Digital. A entidade, inclusive, vai trabalhar para massificar junto ao setor o slogan: “Juntos somos mais”, para assegurar um lugar de destaque às TICs nas estratégias e políticas públicas.

O reposicionamento da marca é uma das ações para marcar o novo posicionamento da Assespro. A mudança de identidade foi idealizada pela Diretora Adjunta de Marketing e Comunicação da ASSESPRO São Paulo, Roberta Cipoloni Tiso, com colaboração da equipe multifuncional da Agência Buzz Strategy. “Não se trata apenas de uma mudança de ‘logo’, o que está sendo proposto é um conjunto de elementos que passam a simbolizar a marca, bem como suas atitudes, articulações, ações, contatos, canais e comunicação”, explica Roberta.

Com relação ao Governo, a Assespro quer mostrar que TIC é transversal a qualquer ação e vertical produtiva da economia brasileira. "Não há como o governo fazer a transformação digital sem TIC. É importante que as autoridades entendam que cada Real investido em TIC, muitos reais serão retornados para a sociedade", diz Ítalo Nogueira. Assistam a entrevista com o presidente da ASSESPRO Pernambuco/Paraíba e Diretor Nacional de Startups.


Cloud Computing
Empresas gastaram, e bem, com infraestrutura de TI para nuvem pública e privada

Movimento foi tão intenso que, pela primeira vez na história, no 3º tri de 2018,  a receita de fornecedores de vendas de produtos de infraestrutura de TI em ambientes de nuvem - pública e privada - ultrapassou a receita de vendas em ambientes de TI tradicionais.

PowerEdge MX - Conteúdo Patrocinado Dell EMC - Convergência Digital
Dell: fornecedor tem o papel de habilitar a transformação digital

A nova linha de servidores precisa ser a base do equilíbrio entre as aplicações do futuro e o legado das empresas para assegurar escala e preservar o investimento, observa o vice-Presidente Sênior e Gerente Geral da Dell EMC Brasil, Luis Gonçalves.

Especialista tributário sugere a adoção de um 'Simples' para TI

Não haveria a unificação dos tributos, mas a unificação do recolhimento, detalha o professor Marco Aurélio Grecco, membro associado da European Association of Tax law Professors. Grecco diz que é preciso sentar e debater logo, até porque o Fisco está mirando como cobrar imposto de serviços novos digitais, entre eles, o de coleta de dados.

Cade investiga praticas anticompetitivas contra fintechs no mercado de meios de pagamentos e financeiro

Abertura de inquérito decorre de relatório sobre os problemas estruturais do setor, em especial, os efeitos decorrentes da verticalização do setor.

Para IBM, Brasil precisa avançar muito mais na transformação digital

Presidente da IBM Brasil, Tonny Martins, diz que, hoje, a preocupação é a fragmentação dos projetos digitais e o risco de se criar 'legados digitais'.

Dados Pessoais: Unisys diz que tempo é curto e adequação exige a presença do CEO

Faltando 14 meses para entrar em vigor no Brasil, a Lei de Proteção de Dados terá implicações para empresas de todos os portes e segurança da informação será essencial para evitar sanções por vazamentos de informações, adverte o diretor-geral da Unisys Brasil, Eduardo Almeida.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G