INTERNET

Justiça equipara notícia antiga a 'fake news' e exige remoção pelo Facebook

Luís Osvaldo Grossmann* ... 17/08/2018 ... Convergência Digital

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso aceitou queixa do candidato ao Senado Nilson Leitão (PSDB) e equiparou a ‘fake news’ notícias consideradas ‘antigas’ por terem efeito de ‘propaganda eleitoral negativa’. Com base nisso, mandou o Facebook remover quatro postagens de uma página que reproduziu as informações.

“No caso em análise, em início de conhecimento, observa-se que a notícia é antiga e foi divulgada novamente ante o pleito eleitoral vindouro, sendo este o seu caráter negativo, ou seja, o de fazer incutir na mentalidade do eleitorado que se trata de matéria hodierna”, sustentou o juiz Mário Roberto de Oliveira na decisão de 16/8.

Segundo o relato no processo, o administrador da página ‘O Bom do Dia’ na rede social divulgou, em 13/8 último, uma nota originalmente publicada no site Circuito MT no dia 12/5 de 2017, referente ao agora candidato ao Senado pelo PSDB responder a processo no Supremo Tribunal Federal por superfaturamento de obra pública. Além disso, o conteúdo teria sido ‘impulsionado’ no FB.

A notícia original, na verdade, é de dezembro de 2015, divulgada pelo próprio STF quando aceitou a denúncia encaminhada pelo Ministério Público Federal. Ainda assim, o juiz, embora destaque que “ainda é nebulosa a conceituação do que se poderia se denominar de ‘Fake News’” concedeu cautelar e deu 24 horas para a rede social remover as referidas postagens.

* Com informações do Conjur


Provedores defendem modelo da TV Digital para resolver uso dos postes

Proposta da Abrint prevê que no lugar de mudanças na resolução Anatel/Aneel seja constituído uma espécie de ‘Gired’ ou um foro permanente para negociações e mesmo determinações para a regularização das estruturas.

STF: Relatores dizem que é inconstitucional barrar apps de transporte

Ações questionam leis de São Paulo e Fortaleza que limitam ou mesmo proíbem transporte por aplicativos como Uber e assemelhados. Julgamentos foram suspensos por pedido de vista.

Justiça nega proibição a jogo onde Bolsonaro espanca mulheres, negros e gays

Em nova tentativa do Ministério Publico, 14ª Vara Cível de Brasília entendeu que jogos eletrônicos são obra intelectual com livre manifestação de pensamento.

Europa busca consenso para taxar gigantes da Internet

Uma nova proposta costurada por Alemanha e França reduz o escopo da cobrança para mirar apenas nas receitas com publicidade.

5G exige rediscussão imediata da neutralidade de rede

"Serão novas e tão diferentes aplicações, e algumas até podem fazer a diferença entre a vida e a morte. A questão da neutralidade precisa ser encarada agora no mundo e aqui no Brasil", sustenta o diretor da 5G Americas e de Relações com o Governo da Ericsson Brasil, Tiago Machado.

Revista Abranet 26 . nov-dez 2018 / jan 2019
Veja a Revista Abranet nº 26 Estudo da Abranet revela a existência de um universo díspar entre os prestadores, o que impõe desafios à regulamentação mínima necessária para manter o mercado estruturado e o limite aceitável para a sobrevivência das empresas.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G