TELECOM

Faltam redes para o Brasil poder 'brincar' de Inteligência Artificial

Por Luis Osvaldo Grossmann, de Xangai, China ... 10/10/2018 ... Convergência Digital

Nos dois imensos pavilhões onde a chinesa Huawei promove o seu evento global Huawei Connect, em Xangai, para reunir analistas e parceiros tecnológicos, as soluções baseadas em inteligência artificial dominam estandes, palestras, produtos e soluções. Mas em meio à hype da IA, o conselheiro da Anatel, Emmanoel Campelo, lembrou que países em desenvolvimento, a começar pelo Brasil, ainda lutam para garantir a base da nova onda: infraestrutura de telecomunicações.

“Quando falamos de inteligência artificial, estamos tratando de algo que para se desenvolver precisa essencialmente de dados. Mas para garantir os dados que a inteligência artificial precisa, temos antes que garantir infraestrutura. E, no entanto, ainda estamos às voltas com o desenvolvimento de políticas que induzam a construção de redes em muitas áreas, especialmente àquelas com pouca população, mesmo que envolvem aplicações possíveis e desejáveis, como a agricultura”, afirmou o conselheiro. 

Campelo foi um dos convidados  do debate centrado no desenvolvimento da economia digital. E ao lado de atores envolvidos com o tema em países tão distintos como Tunísia e Inglaterra, destacou que em um segmento tão carente de mão de obra especializada,reforçada ainda mais com a mencionada economia digital, o Brasil ainda trabalha para garantir internet aos estudantes.

“Como falar de habilidades quando as escolas não têm internet de qualidade?”, provocou. A tarefa, insistiu, envolve governo e setor privado. Mas o conselheiro centrou o mea culpa na dificuldade do país em modernizar a legislação relacionada às telecomunicações. “Nossa legislação é de 1997, de quando não existiam smartphones. A internet traz novos desafios, a começar pelos reguladores precisarem de criatividade para atrair recursos para as telecomunicações. E hoje, quem não conseguir acompanhar o ritmo vai ficar ainda mais para trás.", completou.

*Luis Osvaldo Grossmann viajou a Xangai a convite da Huawei Brasil


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Atualização automática antecipa horário de verão para usuários da TIM

Falha atingiu usuários de diversas cidades. Operadora diz que o problema aconteceu em alguns modelos de smartphones. Horário de verão foi adiado para o dia 18 de novembro. No ano passado, o início foi no dia 15 de outubro.

Brasil realizou 45,6 milhões de trocas de operadora em uma década

No 3º trimestre, a ABRTelecom apurou que 1,69 milhão de trocas de operadoras foram concluídas. Nesses três meses, 344,71 mil (20%) migrações foram feitas por usuários de terminais fixos e 1,34 milhão (80%) demandadas por titulares de telefones móveis.

Telefonia fixa: Mais de 1.8 milhão de linhas desativas em 12 meses

Acessos desativados atingem base de autorizadas e concessionárias. Oi ainda detém 56,63% do total de acessos das concessionárias.

MPF diz ao STJ que competência para definir valor de interconexão é da Justiça Federal

Parecer do Ministério Público diz que definição do valor pela Justiça Estadual em ação de recuperação judicial da Hoje Telecom, de Manaus, usurpa competência e gera ambiguidade na interpretação por parte das operadoras de telefonia.



Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G