Convergência Digital - Home

Serpro quer ser o fornecedor de PaaS do governo federal

Convergência Digital
Ana Paula Lobo e Rodrigo dos Santos - 12/11/2018

O Serpro está trabalhando para, em 2019, ser o fornecedor de Plataforma como Serviço (PaaS) para o governo federal, revela Thiago Oliveira, da área de TI. Segundo ele, a estatal está trabalhando pesado para consolidar a plataforma Estaleiro, criada para suportar todas as aplicações.

"Dos 2000 desenvolvedores nossos, 1200 já trabalham com o Estaleiro, que é totalmente baseada em containers, o que nos permite empacotar aplicação e infraestrutura em uma mesma arquitetura. No Estaleiro não há mais discussão entre desenvolvedores e a área de operação. Todos compartilham o desenvolvimento", observa Oliveira.

Um dos desafios do Serpro é o de consolidar a estratégia de infraestrutura como código, para simplificar o processo de desenvolvimento de aplicação. Assistam a entrevista com Thiago Oliveira, feita no Containers of Ideas, realizado pela Red Hat, nos dias 06 e 07 de novembro, em São Paulo.


LEIA TAMBÉM:
Destaques
Destaques

Nuvem pública deslancha no Brasil e receita estimada é de R$ 2,3 bilhões

País tem muito para crescer no uso da nuvem pública, tanto que no ranking global está em 13º lugar, observa a IDC Brasil. As SD-WANs também se consolidam no mercdo nacional, mas a falta de mão de obra capacitada é um entrave.

Startup investe na nuvem e viabiliza atendimento médico no interior do Amazonas

Portal Telemedicina usa APIs do Google Cloud, Firebase e ML Engine para armazenar dados de pacientes, além de detectar doenças e priorizar atendimento em clínica da cidade de Coari,  localizada a 444 quilômetros de Manaus.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Intuição versus análise de dados na gestão

Por Douglas Scheibler*

O poder decisório significa alta responsabilidade e inúmeros riscos. Neste cenário caótico, analisar dados é indispensável e é o que justifica uma determinada medida ser considerada como correta, em um cenário específico, em detrimento de outras.

Data Centers: agora é hora de ver acontecer

Por Gilberto Gonzaga*

O que recentemente era apenas uma tendência já pode ser observado na prática. A expectativa, agora, é que esses movimentos se consolidem cada vez mais e nos levem a uma nova era de conectividade, da qual a América Latina não ficará de fora.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site