INTERNET

Austrália aprova lei que dá calafrios às gigantes da Internet

Convergência Digital* ... 06/12/2018 ... Convergência Digital

O Parlamento da Austrália aprovou nesta quinta-feira, 06/12, uma lei para obrigar empresas de tecnologia como Google, da Alphabet, Facebook e Apple a darem acesso à polícia dos dados criptografados. O projeto de lei, fortemente contestado pelos gigantes de tecnologia que temem que a Austrália possa ser um exemplo à medida que outras nações exploram regras semelhantes, deve se tornar lei antes do final do ano.

A proposta, aprovada pela câmara baixa do Parlamento, deve passar também no Senado. Os trabalhistas disseram que, apesar de suas ressalvas, o projeto seria aprovado no Senado, sob a condição de que a coalizão concordasse com suas emendas no próximo ano.

O projeto prevê multas de até 10 milhões de dólares australianos (7,3 milhões de dólares) para instituições e termos de prisão para indivíduos que não entregarem dados vinculados a atividades ilegais suspeitas.

Quando o projeto se tornar lei, a Austrália será um dos primeiros países a impor amplos requisitos de acesso a empresas de tecnologia, depois de muitos anos de lobby de agências de inteligência e de aplicação da lei em muitos países. A rede de inteligência Five Eyes — composta por Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia— tem alertado que a segurança nacional está em risco porque as autoridades não podem monitorar as comunicações de suspeitos.

Empresas de tecnologia têm se oposto aos esforços para criar o que consideram uma brecha de segurança para os dados dos usuários, um impasse que foi impelido para a arena pública pela recusa da Apple em desbloquear um iPhone usado por um agressor em um tiroteio em 2015 na Califórnia. “Esta legislação está em desacordo com a legislação de vigilância e privacidade na Europa e em outros países que têm fortes preocupações com a segurança nacional”, disse em comunicado o Digital Industry Group (Digi), do qual Facebook, Apple, Google, Amazon e Twitter, são membros.

Fonte: Agência Reuters


Netshoes vai pagar R$ 500 mil por vazamento de dados de quase 2 milhões de clientes

Acordo foi firmado entre a empresa e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). Vazamento das informações aconteceu em janeiro do ano passado e comprometeu dados pessoais como nome, CPF, e-mail, data de nascimento e histório de compras.

Fusões e aquisições vão marcar ano dos ISPs no Brasil

Prestadores de serviços ganham a preferência dos consumidores por oferecerem velocidade e estabilidade na oferta da banda larga. Segundo a IDC Brasil, chegou a vez dos provedores avançarem no B2B.

CGI.br: Política de cibersegurança tem de respeitar privacidade e direitos humanos

Em nota, Comitê Gestor endossa o documento 'Chamado de Paris', produzido no IGF 2018. E alerta que decisões sobre o ciberespaço preciisam de uma abordagem multissetorial.

Dados Pessoais: Google recebe punição máxima de 50 milhões de euros na França

A Regulação de Proteção Geral de Dados (GDPR), em vigor desde maio do ano passado na União Europeia, vira pesadelo para as companhias de Internet.

Anatel impõe ofertas obrigatórias de conexão em apenas seis PTTs

Pontos de troca de tráfego escolhidos são os de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Fortaleza, Curitiba e Brasília. A decisão afeta Oi, Telefônica, Claro, TIM e Algar.

Revista Abranet 26 . nov-dez 2018 / jan 2019
Veja a Revista Abranet nº 26 Estudo da Abranet revela a existência de um universo díspar entre os prestadores, o que impõe desafios à regulamentação mínima necessária para manter o mercado estruturado e o limite aceitável para a sobrevivência das empresas.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G