Home - Convergência Digital

2019: o ano do paradoxo no mercado de trabalho em TI

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 07/01/2019

O coordenador do MBA de Marketing Digital da Fundação Getúlio Vargas (FGV) André Miceli, prevê que, em 2019, o mercado de trabalho irá recrutar profissionais com expertise em inteligência artificial, tecnologias imersivas, e-sports e blockchain. Segundo ele, com as novas tecnologias e comportamentos, a demanda por profissionais capacitados para atuar nessas posições certamente vai aumentar.

"Então veremos um paradoxo, no mínimo, estranho. De um lado, pessoas sem emprego, em função do alto grau de substituição de mão de obra – dada à automação de atividades repetitivas – e, de outro, empresas com grandes dificuldades para preencher vagas que demandem maior formação técnica. Pouca oferta de profissionais e aumento de demanda vão gerar aumento de salários e grandes oportunidades para os que estiverem capacitados", esclarece André Miceli.

O professor da FGV explica ainda que técnicas de deep e machine learning vão permitir que bots façam o atendimento e reduzam significativamente os custos de call center de empresas de todos os tamanhos. "Para que a inciativa funcione, serão necessários profissionais para treinar a retórica e os tipos de resposta desses algoritmos", admite o especialista em estratégia digital. André Miceli aponta, no entanto, que em um prazo um pouco maior veremos mais oportunidades para arquitetos e engenheiros. Para ele, esses profissionais terão que lidar com as modificações que as cidades sofrerão.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

16/05/2019
Assespro é contra a regulamentação da profissão de TICs

10/05/2019
Startup de Curitiba cria plataforma gratuita com mais de 77 cursos diferentes

06/05/2019
Quem são os novos CIOs, CDOs e CTOs na TI brasileira?

02/05/2019
São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul lideram a busca por profissionais de TI

18/04/2019
Ciência na Escola terá R$ 100 milhões para formar cientistas

12/04/2019
O profissional do futuro de TI é alguém que ninguém conhece

09/04/2019
TICs podem formar 1 milhão a cada quatro anos com recursos já existentes

01/04/2019
Inteligência emocional faz a diferença na escolha do profissional de TIC

01/04/2019
Brasil leva seis alunos de TICs para a semifinal mundial do Huawei ICT Competicion

08/03/2019
Igualdade de gênero é uma mentira. Mulheres vão levar 202 anos para ganhar igual aos homens

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

TI precisa de 420 mil novos profissionais até 2024

Formação de mão de obra, que já sofre para atender a demanda, vai ficar longe dos 70 mil novos empregos por ano. IoT, Big Data e segurança são áreas de maior demanda.

Salários em TICs são três vezes maiores que a média nacional

Em software e serviços, onde estão 75% das vagas das empresas de tecnologia da informação, remuneração média em 2018 foi de R$ 5 mil, contra R$ 1,8 mil do salário médio nacional.

TICs podem formar 1 milhão a cada quatro anos com recursos já existentes

Segundo o presidente da Contic, Edgar Serrano, atualização do marco legal de telecom e a criação do Sistema S das TICs são medidas de transformação digital sem impacto fiscal.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site