SEGURANÇA

Brasil foi o sexto país mais afetado por vírus em apps da Google Play

Convergência Digital ... 08/01/2019 ... Convergência Digital

A Trend Micro anunciou que identificou infeções por aplicativos baixados da Google Play em 196 países em 2018, indicando a necessidade de cuidados mesmo quando os softwares estão em gigantes plataformas da internet. E o Brasil aparece como o sexto país mais afetado por downloads com malware.

Segundo o levantamento, um software espião identificado foi ANDROIDOS_MOBSTSPY, que se disfarçava como aplicativos legítimos do Android. “As aplicações estavam disponíveis para download na Google Play em 2018, com algumas já tendo sido baixadas mais de 100 mil vezes por usuários de todo o mundo”, afirma a Trend Micro.

A Índia foi o país mais afetado, com 31,7% dos downloads de programas com vírus – como jogos Flappy Birr Dog, aplicações como FlashLight ou Win7imulator, todos já removidos da loja de apps pela Google. Em seguida aparece a Rússia (7,5%), o Paquistão (4,8%), Blangadesh (4,7%), Indonésia (3,4%) e o Brasil, com 3,2%.

“MobSTSPY é capaz de roubar informações como localização do usuário, conversas por SMS, registros de chamadas e itens da área de transferência. O malware é capaz, inclusive, de roubar e fazer o upload de arquivos encontrados no dispositivo. Também pode coletar credenciais adicionais por meio de um ataque de phishing. É capaz de exibir falsos pop-ups do Facebook e do Google para phishing dos detalhes da conta do usuário. Se o usuário inserir suas credenciais, o pop-up falso informará apenas que o login não foi bem-sucedido. Nesse ponto, o malware já teria roubado as credenciais do usuário.”


NEC - Conteúdo Patrocinado - Convergência Digital
Multibiometria: saiba como ela pode cuidar da sua segurança digital

Plataforma Super Resolution, que integra espaços físicos e digitais, será apresentada pela primeira vez no Brasil no Futurecom 2018. Um dos usuários da solução é o OCBC Bank, de Cingapura. A plataforma permite o reconhecimento instantâneo das pessoas à medida que se aproximem da agência.

Mais de 120 milhões de CPF de brasileiros vazaram de servidor mal configurado

O fato aconteceu em março deste ano e foi detectado pela empresa InfoArmor. O dono do servidor mal configurado não foi identificado. Os vazamentos se multiplicam no País. Só essa semana foram três: TIVIT, Sicredi e SKY.

BT Brasil defende clientes de mais de 125 mil ataques cibernéticos/mês

De acordo com o diretor geral da operadora no Brasil, Alex Inglês, em 12 meses, a companhia ‘defendeu’ cerca de 18 mil ataques DDoS de larga escala, alguns chegando a 650 gibabits. Complexidade tributária afasta investimentos em rede no Brasil, afirma ainda o executivo.

EUA voltam a acusar China de espionagem cibernética

Agência de Segurança Nacional alega que os chineses violam acordo para restringir esse tipo de ‘ataque’ firmado em 2015.

No Brasil, 20% das PMEs quebram após ataque hackers

Levantamento feito com 285 empresas mostra que boa parte pagou resgate para ter dados recuperados após ataque hacker. O pagamento é feito, em média, de 0,3 a 0,4 do valor de um bitcoin (R$ 9,6 mil). Entre as PMEs pesquisadas, seis de cada 10 admitiram ter sido contaminadas por malware.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G