Home - Convergência Digital

Empresa fecha com a TIM para levar IoT e 4G ao campo

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 10/01/2019

A TIM fechou uma parceria com a Adecoagro, uma das principais empresas produtoras de alimentos e energia renovável da América do Sul. Por meio do projeto "4G TIM no Campo", a operadora irá levar sua rede de quarta geração para o Vale do Ivinhema (MS), fornecendo atendimento de voz, dados móveis e IoT com a instalação de equipamentos 4G (eNodeB) na faixa de 700MHz nas fazendas e usinas da companhia, o que permite melhor penetração do sinal e maior cobertura.

A instalação da rede 4G da TIM possibilitará o aumento da produtividade da empresa, assim como a melhora da qualidade de vida da população da região que também terá acesso, pela primeira vez, à conectividade móvel. O projeto "4G TIM no Campo" tem como principal objetivo viabilizar a digitalização e oferecer soluções inovadoras para o Agronegócio Brasileiro.

A parceria com a Adecoagro prevê a cobertura de uma área de mais de 600 mil hectares possibilitando agilizar os fluxos de produção; automatizar o processo de apontamento (usando smartphones), e conectar computadores de bordo das máquinas agrícolas. Outro grande benefício é levar cobertura 4G em 700MHz para as cidades vizinhas a Adecoagro (Ivinhema, Angélica, Gloria de Dourados e Deodápolis), beneficiando mais de 100 mil habitantes da região.

A TIM forneceu todo o sistema de comunicação de dispositivos móveis e soluções de Internet das Coisas (IoT), com investimentos em infraestrutura de rede na região e cobertura 4G nas suas áreas de produção e industrial, além de contar com a parceria da BRFibra, da BRDigital - entregando o Backhaul - e a tecnologia certificada para o Agronegócio da Nokia.

Serão ativadas de 1.516 linhas corporativas e o projeto permitirá o controle e o acompanhamento em tempo real das colheitadeiras e dos tratores da fazenda, assegurando decisões rápidas, com redução de custos, melhor manejo das lavouras e maior velocidade no escoamento da produção. A Nokia tem aplicado sua tecnologia celular e conhecimento para tornar mais eficiente a conexão das máquinas, acelerando o processo de digitalização do Agronegócio.

Esta é a terceira parceria do projeto "4G no Campo", iniciado em Goianésia (GO) junto com a Jalles Machado, agroindústria referência no setor sucroenergético nacional, localidade onde também contamos com o backhaul da BRDigital. Em outubro de 2018, a operadora também fechou contrato de piloto com a SLC Agrícola para ativação de cobertura 4G na Fazenda Panorama, na cidade de Correntina, na Bahia.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/03/2019
Chapecó, em SC, é a primeira cidade com rede própria de IoT da Vivo

19/03/2019
BNDES elege três municípios para serem transformados, via IoT, em cidades inteligentes

18/03/2019
TIM ativa rede NB-IoT com alcance de 100 Km em Goianésia, interior de Goiás

15/03/2019
Internet das Coisas é prioridade e vai muito além da oferta de conectividade

12/03/2019
Plano Nacional de Internet das Coisas precisa sair da retranca

27/02/2019
Com cobrança do Fistel, Anatel diz que IoT não acontece no Brasil

21/02/2019
Anatel multa Oi por segurar R$ 8 milhões da TIM por um ano

21/02/2019
TIM projeta investir R$ 12,5 bilhões entre 2019 e 2021

20/02/2019
TIM quer leilão 5G o quanto antes e rede legada única para o 2G

20/02/2019
TIM: concorrência no pré-pago não está saudável no Brasil

Destaques
Destaques

Para Ericsson, 5G vai fazer acontecer, de verdade, a indústria 4.0

Presidente da fabricante para a América do Sul, Eduardo Ricotta, diz que uma operadora com 50 Mhz a 80 Mhz terá espectro para oferecer bons serviços, especialmente, o da banda larga fixa móvel. "Há cidades no Brasil, com menos de 100 mil habitantes, com conexões de 2 Mbits. O 5G vai chegar oferecendo bem mais", observa.

5G vai gerar 15 milhões de novos empregos até 2025

O ecossistema 5G está em ebulição e demandará muita mão de obra, afirma o diretor da Huawei, Carlos Roseiro. Segundo ele, vão surgir aplicações, muitas ainda inimagináveis, nos próximos seis anos. "O 5G começa hoje. A frequência virá para dar mais capacidade", observa o especialista.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site