Home - Convergência Digital
Veja mais
Veja mais

Microsoft tem nova presidente no Brasil

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 14/01/2019

Após 3 anos e meio liderando a Microsoft Brasil, Paula Bellizia foi promovida a vice-presidente de Vendas, Marketing e Operações da Microsoft América Latina. Tânia Cosentino é a nova presidente da Microsoft Brasil. A executiva possui mais de 30 anos de experiência profissional e, desde outubro de 2018, ocupava a vice-presidência global de qualidade & satisfação do cliente da Schneider Electric, empresa na qual desenvolveu uma carreira de muito sucesso por 19 anos.

Ingressou em 2000 como gerente nacional de vendas, após 3 anos passou a ser diretora comercial e em 2009 assumiu a presidência da subsidiária brasileira. Em janeiro de 2013, foi promovida a presidente da empresa na América do Sul, com foco em preparar a Schneider Electric a liderar a transformação digital na região, em mercados como residencial, industrial, comercial, data centers, energia e infraestrutura para cidades inteligentes. Além disso, ela estimulou o desenvolvimento de soluções diferenciadas e sustentáveis com o objetivo de agregar valor aos negócios dos clientes. Tânia era também membro do Conselho Consultivo de Diversidade & Inclusão da empresa.

“Estou muito motivada a fazer parte da equipe da Microsoft Brasil, determinada a contribuir para o crescimento dos negócios, bem como para a aceleração da transformação digital de nossos clientes e parceiros. Admiro não apenas a história da Microsoft, sua capacidade inovadora e as pessoas apaixonadas, como também a sua missão: empoderar cada pessoa e cada organização no mundo a conquistar mais. Acredito que a tecnologia pode contribuir para resolver os principais desafios do planeta: a desigualdade, a pobreza e as mudanças climáticas. A tecnologia também pode alavancar a competitividade do Brasil e é ótimo poder contribuir para um futuro melhor do meu país”, afirmou no comunicado distribuído à imprensa.

Paula Bellizia liderou a Microsoft Brasil desde julho de 2015. Em sua nova posição como vice-presidente de Vendas, Marketing e Operações da Microsoft América Latina, Paula irá se concentrar em impulsionar os objetivos de negócios e estratégias da Microsoft em torno da transformação digital e inteligência artificial, em 35 escritórios de 21 países, com mais de 2.000 funcionários e 80.000 parceiros de negócios em toda a região.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

04/07/2019
Google, Amazon, Microsoft correm atrás de fornecedores fora da China

25/06/2019
CNJ mantém suspenso o contrato de R$ 1,34 bilhões da Microsoft com o TJSP

07/06/2019
Microsoft apaga base de dados com 10 milhões de fotos usadas para treinar reconhecimento facial

15/05/2019
Microsoft alerta para risco de novo ataque como WannaCry

10/05/2019
Acordo bilionário com a Microsoft é rejeitado pela comissão de TI do TJ/São Paulo

09/04/2019
CNJ não libera contrato de R$ 1,3 bilhão do TJ/SP com a Microsoft

08/04/2019
Órgão especial do TJ/SP valida acordo de R$ 1,3 bilhão com a Microsoft e enfrenta CNJ

13/03/2019
CNJ abre diligência interna para avaliar contrato bilionário da Microsoft com o TJ/SP

12/03/2019
TJ/SP descarta favorecer Microsoft e prejudicar Google e AWS

21/02/2019
CNJ alega risco à segurança nacional e suspende contrato do TJ/SP com a Microsoft

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

TICs vão demandar 700 mil novos profissionais na Indústria em cinco anos

Dados são do Mapa do Trabalho Industrial, feito pelo SENAI, que indicam ainda a urgência na qualificação de 10,5 milhões de trabalhadores em ocupações industriais por conta da indústria 4.0. Um dos especialistas em alta é o condutor de processos robotizados, com um incremento de 22% no número de vagas.

Técnicos são os que mais procuram especialização em Big Data

Cursos voltados para desenvolvimento Full Stack e Segurança Cibernética também são bastante demandados. No caso do big data, dos alunos formados nesta área, 45% possuem mais de 10 anos de experiência (sênior); 36% até nove anos (pleno) e 19% até três anos (recém-formados).

Agile reescreve a carreira do desenvolvedor de software

Ao mudar a entrega dos serviços – quebrando a prática dos longos projetos –, a metodologia também exige novos profissionais.

Banco Itaú monta estratégia para reter os melhores profissionais

O uso da metodologia Agile transformou o processo de negócios, e o desafio é conquistar e fidelizar os melhores especialistas, pontua o superintendente de Governança de Arquitetura, Processos e Práticas de TI do Itaú, Cecílio Cosac Fraguas.

Falta de mão de obra qualificada espanta investidores no Brasil

Mais de 50% dos jovens brasileiros podem ficar fora do mercado de trabalho por falta de qualificação e de habilidades digitais. A advertência foi feita por especialistas que debateram sobre educação e capacitação digital no Painel Telebrasil 2019.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site