TELECOM

PGMU: Anatel atualiza lista e troca 259 localidades que já tinham 4G

Luís Osvaldo Grossmann ... 25/03/2019 ... Convergência Digital

A Anatel aprovou em circuito deliberativo a relação atualizada com 1.473 localidades que deverão receber estações radio-base com tecnologia 4G como obrigações de universalização impostas às concessionárias de telefonia fixa pelo novo plano geral de metas de universalização. O ajuste foi publicado nesta segunda, 25/3, no Diário Oficial da União.

Tal obrigação, vale lembrar, foi uma imposição do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, ainda sob Gilberto Kassab, à contragosto da Anatel, que considera o uso do STFC para metas de cobertura 4G como “um puxadinho à espera do fim das concessões”.

Não por menos, ao tratar do assunto na recente consulta pública sobre as localidades, pela qual 259 foram substituídas por já possuírem ERBs 4G, as teles voltaram a reclamar da “razoabilidade e legalidade da obrigação de atendimento com 4G, considerando que caracteriza universalização, via PGMU, de outro serviço que não aquele objeto dos contratos de concessão de STFC”.

Além disso, como alertado por entidades de operadoras e de provedores internet, “as redes a serem construídas para atendimento das metas do PGMU podem ser utilizadas para o Serviço de Comunicação Multimídia, gerando uma competição não isonômica entre prestadoras do SMP e SCM”.

Em tempo: A nova gestão do MCTIC concorda com a Anatel e com as teles. Na prática, todos acendem velas pela aprovação do PLC 79/16, que acaba com as concessões – e consequentemente com as metas de universalização. Enquanto isso, o prazo corre. Pelo menos 10% das ERBs previstas no novo PGMU devem ser instaladas neste 2019.


Com Lei, small cells avançam no Distrito Federal

"As pequenas antenas são essenciais para a melhor cobertura do 4G e depois para o 5G e tiveram dispensa de licitação. Podem ser colocadas em bancas, placas de sinalização, etc.", explica o diretor do SindiTelebrasil, Ricardo Dieckmann. Gargalos, agora, seguem sendo São Paulo e Belo Horizonte.

Teles quebram dados móveis em bairros e regiões para combate à Covid-19

Ferramenta é usada por 22 cidades e 17 estados: Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo.

Padtec reorganiza e se prepara para ir à Bolsa de Valores

IdeiasNet, ex-controladora, foi incorporada pela Padtec Holding. Ida à B3 é estratégia de médio prazo e servirá para a expansão internacional da companhia.

Londrina quer vender Sercomtel por R$ 130 milhões

Tentativa de privatização da operadora, que tem cerca de 400 mil acessos de telefonia e internet, foi remarcada para 18/8, na B3. Prefeitura admitiu o parcelamento na aquisição para atrair interessados nessa nova tentativa.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G