GOVERNO » Compras Governamentais

Novo sistema de busca quer facilitar comparações de compras públicas

Convergência Digital* ... 01/04/2019 ... Convergência Digital

O Ministério da Economia anunciou nesta segunda, 1º/4, uma nova funcionalidade do portal de compras governamentais que tem o objetivo de facilitar as comparações de preços nas aquisições e licitações ad administração pública federal.

“A nova ferramenta de busca foi desenvolvida pela Secretaria de Gestão do Ministério da Economia para padronizar e facilitar a pesquisa de itens a serem adquiridos e licitados. O objetivo é definir melhor as especificações dos produtos no Catálogo de Materiais e Serviços do Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais (Siasg)”, informa a pasta.

Segundo o secretário de gestão, Cristiano Heckert, “a organização das informações e a indicação correta dos itens a serem pesquisados facilitam a comparação de preços. Quanto mais padronizados forem, maior economia, controle e transparência teremos nessas aquisições”.

Os grupos de itens mais comprados pelos órgãos da Administração Pública Federal foram padronizados e qualificados pelo Departamento de Normas e Sistemas de Logística (Delog) da Secretaria de Gestão. Entre eles estão água, iogurte, leite, ovos, queijos, peixes e frutos do mar e serviços de tecnologia e informática.

Nessa mudança foram suspensos 47 mil itens que não foram usados nos últimos dois anos. “No caso da compra de água havia 890 itens de fornecimento diferentes. Conseguimos reduzir para 20”, diz o coordenador-geral dos Sistemas de Compras Governamentais, Daniel Rogerio. Futuramente, a ferramenta será integrada ao módulo de compras do Portal de Compras Governamentais aperfeiçoando o cadastro das licitações.

* Com informações do Ministério da Economia


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

PGFN concede poderes ao BNDES vender o Serpro

A fim de privatizar a maior empresa de TI do país, a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional delegou competência ao banco de fomento para alienar a participação da União na estatal. 

Governo publica orçamento sem vetos, com menos recursos para MCTIC

Como aprovado em dezembro, Orçamento estipula R$ 11,81 bilhões para a pasta, 22% a menos do que a Lei Orçamentária original de 2019, depois contingenciada para R$ 13 bilhões. 

Governo diz que não vai vender dados de Serpro e Dataprev, mas pode terceirizar custódia

“Vários países não têm empresas de governo mas custodiam dados. Pode fazer isso internamente ou subcontratar”, diz o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel. 

Microcity recebe certificação CertiGov

Selo de compliance garante a integridade, a conformidade da empresa e a qualifica a vender ao governo reduzindo riscos nas transações.

Dataprev encerra atuação em 20 Estados e quer demissão de 15% dos empregados

Estatal oficializa o Programa de Adequação de Quadro(PAQ) onde coloca como meta a saída de 493 empregados. Também anuncia a centralização das atividades em sete regiões, onde existem data centers e unidades de desenvolvimento.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G