GOVERNO

Falta de dinheiro exige exercício de criatividade na economia digital

Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 25/04/2019 ... Convergência Digital

Empreender na economia digital é pensar na resolução dos problemas, com respostas rápidas e flexíveis para fomentar serviços digitais para a população, observa o secretário de empreendedorismo e inovação do MCTIC, Paulo Alvim, que participou do Brasscom TecFórum, realizado em Brasília.

À CDTV, do portal Convergência Digital, Paulo Alvim diz que a capacitação é crucial para o sucesso da economia digital e o treinamento das pessoas passa obrigatóriamente pela Internet. "Temos de formar mais técnicos, mais engenheiros, mais gente pensando em IoT, nas cidades digitais, na agricultura e saúde 4.0", diz.

Como os recursos estão escassos - o MCTIC sofreu um corte rigoroso no seu orçamento- Paulo Alvim observa que uma das características da economia digital é o exercício de criatividade. "Temos de sair do orçamento fiscal. O governo não tem dinheiro. Temos de buscar recursos em outras fontes. Tenho uma equipe trabalhando para achar essas oportunidades". Assistam a entrevista com o secretário de empreendedorismo e inovação, Paulo Alvim.


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Projetos estratégicos de TIC dependem do ajuste fino entre os 'novos' MCTI e Minicom

No 'novo' MCTI, ficam políticas de inovação, entre elas,  Inteligência Artificial. O Minicom assume a política de Telecom e a radiodifusão.

TSE manda Dataprev parar de usar dados da Justiça Eleitoral para avaliar auxílio emergencial

Pedido foi feito de forma oficial pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Roberto Barroso. A alegação é que os BDs não informam o exercício de mandato eletivo.

Agência Espacial abre edital para lançamentos comerciais na base de Alcântara

AEB é responsável pelas tratativas iniciais com as empresas, nacionais ou estrangeiras, interessadas em utilizar a base brasileira para lançamento de veículos espaciais.

PL quer adiar venda do Serpro, Dataprev, Telebras e outras estatais

Proposta, que está em análise na Câmara dos Deputados, ressalta que o 'períodos de crise são um excelente momento para quem compra e péssimo para quem vende'. Privatizações estão agendadas para junho de 2021. Ideia é adiar as vendas para 12 meses após o fim da pandemia de Covid-19.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G