Home - Convergência Digital

TI precisa de 420 mil novos profissionais até 2024

Luís Osvaldo Grossmann - 26/04/2019

Espalhadas por todos os estados do Brasil, as empresas de tecnologia da informação encontram dificuldades para encontrar os trabalhadores que precisa. E o problema vai ficar ainda maior. Segundo dados da Brasscom, se a formação já sofre para dar conta dos novos postos de trabalho criados a cada ano, a partir de 2024 essa distância será significativa. Em cinco anos, a demanda chega 420 mil novos profissionais.

“Temos uma demanda importante de profissionais. O segmento de TIC, que entendemos como as empresas que têm na tecnologia da informação sua atividade central, vai demandar 329 mil trabalhadores até 2024. E na TI in House, mesmo com alguma redução diante do aumento normal de outsourcing, serão outros 92 mil. Portanto no total estamos falando de demanda de 420 mil profissionais”, afirma o presidente executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.

Só no segmento de TICs, são 845 mil empregos atualmente. Desses, 42 mil foram criados em 2018, que apesar de ter sido um ano comparativamente fraco para o setor – cresceu “apenas” 4,5%, contra o dobro disso em 2017 – gerou uma demanda praticamente igual à oferta de 46 mil novos formandos no ano passado. E segundo as projeções da Brasscom, a necessidade vai saltar para 70 mil novos profissionais por ano em 2024.

O levantamento também aponta quais serão as áreas exigidas para aquelas 420 mil novas oportunidades em tecnologia. Uma em cada quatro, ou 107,1 mil delas, serão demandadas em atividades relacionadas à internet das coisas. Outras 45,3 mil, ou 11% da demanda projetada, são para a área de segurança. Enquanto 40,7 mil postos serão exigidos por atividades de Big Data e Analytics. O segmento de computação em nuvem, com 24,8 mil vagas novas em cinco anos, representará 6% da demanda total.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

03/07/2020
Startups do Cubo Itaú têm mais de 500 vagas de trabalho em aberto

17/06/2020
Qintess anuncia 243 vagas para transformação digital

16/06/2020
Laércio Cosentino, da TOTVS, assume presidência do Conselho da Brasscom

10/06/2020
Instituto Eldorado abre 80 vagas na área de TI em Manaus

10/06/2020
TOTVS busca profissionais para monitoramento de dados e cloud

08/06/2020
Empresas têm mais de 200 vagas abertas para profissionais de TI

03/06/2020
Empresas de TI no DF querem adiar negociação salarial para outubro

27/05/2020
Brasscom: Prorrogação da desoneração da folha gera 335 mil novos postos de trabalho em TI

14/05/2020
TI pede mais flexibilidade nas relações de trabalho durante a Covid-19

14/05/2020
Empresa de TI abre vagas para trabalho 100% remoto

SAS Institute oferece 50% de desconto em julho em cursos voltados a análise de dados

Quer aprender a tirar o melhor proveito do seu dado? Aprenda como tirar insights para o seu negócio. Entre os cursos com desconto estão 'descomplicando os dados através de relatórios' e 'entendendo e tirando valor dos dados usando códigos SAS'

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

Teletrabalho: medo de perder emprego cria obrigação de ficar 100% online

Pesquisa do LinkedIn aponta que 68% dos brasileiros têm trabalhado de uma a quatro horas a mais por dia por conta de estarem em home office. Maior parte reclama de ansiedade e estresse. Maioria também reclama da ausência dos colegas de trabalho, mas 43% se sentem mais produtivos com o trabalho remoto.

TST suspende demissões na Dataprev enquanto durar crise da Covid-19

Trabalhadores alegaram que os prazos acordados no fim da greve não terão como ser integralmente cumpridos diante da situação emergencial com a epidemia do coronavírus. 

TST: Teletrabalho tem de respeitar os contratos vigentes

Corte aponta, no entanto, que em situações emergenciais, como a atual crise da Covid-19, a adoção da jornada online temporária prescinde formalização, mas deve respeitar leis trabalhistas. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site