TELECOM

Volume de dados gerados na rede da Oi para o Rio2C foi de 9,7Terabytes

Da redação ... 30/04/2019 ... Convergência Digital

A Oi registrou 780 mil acessos na rede instalada para atender a Rio Creative Conference (Rio2C), evento de economia criativa que aconteceu na semana passada, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, e reuniu grandes nomes da tecnologia, audiovisual, inovação e cultura. O número corresponde ao total de vezes em que os usuários se conectaram à rede da companhia nos seis dias de evento.

Os acessos geraram um volume de dados trafegado de 9,7 TeraBytes nas redes WiFi da Oi, quase sete vezes mais do que a edição 2018 da Rio2C e o equivalente ao download ou upload de 2,62 milhões de fotos em alta resolução ou mais de 3 mil horas de streaming de vídeo na internet. No total, 22 mil dispositivos diferentes se conectaram à rede Wifi da Oi na Cidade das Artes.

A Rio2C se firmou como maior referência da América Latina em economia criativa, com participantes de 36 países e um público estimado em 25 mil pessoas. Foram mais de 1000 palestrantes distribuídos em 415 painéis, o que resultou em mais de 780 horas de conteúdo sobre as últimas tendências em inovação no mundo.

O evento também promoveu rodadas de negócios com mais de 1.500 reuniões e envolveu cerca de 4.500 pessoas nos trabalhos de produção, gerando um impacto econômico estimado em R$ 250 milhões. Todo este ambiente contou com ampla estrutura da Oi, que forneceu rede de telecomunicações e TI para o evento. Foram 8 km de fibra ótica conectando a Cidade das Artes de ponta a ponta com o Oi Fibra e links de dados totalizando 5 Giga, disponibilizando Wi-Fi de altíssima velocidade (2Gbps) ao público, entre palestrantes, executivos e artistas.

A companhia disponibilizou links de dados usados em todas as 80 salas e ambientes do evento, inclusive nas salas de palestras e debates. Para oferecer toda a infra de telecom e TI, a Oi realizou um trabalho que envolveu profissionais de diversas áreas da empresa, para planejar, implantar e operar uma rede com alta disponibilidade de serviços em todos os dias do encontro. Também foram implantados 10 quilômetros de cabeamento para interligar todos os dispositivos utilizados  pelo público da Rio2C.

Além disso, a Oi instalou 110 pontos de wi-fi para uso do público visitante e reforçou os sinais 3G e 4G da Cidade das Artes.No espaço da Oi, os visitantes puderam se conectar pelo 5G a outra pessoa no mesmo ambiente visualizando suas respectivas holografias por meio de óculos de realidade virtual. Também houve um ambiente totalmente inspirado na Antártica: um domo refrigerado que apresentava a atuação pioneira da Oi em infraestrutura de telecomunicações no continente mais gelado do planeta.


Veja edição 12 da Revista Abranet - Assossiação Brasileira de Internet REVISTA ABRANET . 12
Especial 20 Anos de Internet no Brasil


Há 20 anos os provedores de Internet escrevem suas histórias no País. A trajetória não foi nada fácil. Houve decisões políticas e econômicas significativas. Infraestrutura, modelo de negócios e fidelização de clientes foram relevantes no passado e continuam sendo no presente. Ao longo de duas décadas, os ISPs tiveram de se reinventar diversas vezes para não deixar de existir.

Clique aqui para ver outras edições

Começa a valer cadastro que bloqueia telemarketing das teles

A partir deste 16/7, será possível inscrever números no cadastro ‘Não Me Perturbe’. Promessa da Anatel é que em 30 dias os inscritos não receberão mais chamadas promocionais das operadoras de telecom.

Imposto zero para IoT está na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara

Deputado Federal, Paulo Ganime (Novo/RJ), diz que o projeto de Lei 7656/2017, corrige uma distorção - a cobrança de FISTEL para os dispositivos IoT.

Governo autoriza aumento de capital da Telebras de R$ 1,17 bilhão

Montante é reflexo dos aportes autorizados em 2015, 2016, 2017 e 2018, quando a estatal estava ainda em acerto financeiro do satélite geoestacionário de defesa e comunicações. 

Comissão aprova prazo de seis meses para instalação de bloqueador de celular em presídios

Relator do projeto retirou o dispositivo que condicionava as novas outorgas de telecomunicação à instalação, ao custeio e à manutenção dos bloqueadores pelas prestadoras.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G