TELECOM

Oi personaliza VOD para aumentar carteira de clientes na TV paga

Por Roberta Prescott ... 04/06/2019 ... Convergência Digital

A Oi aposta que, com uma melhor a conexão, seus clientes estarão dispostos a consumir mais conteúdos por streaming. Nesta terça-feira, a telco anunciou a funcionalidade “Pra trocar” no Oi Play, que permite que o assinante personalize a cada mês quais serviços de vídeo sob demanda que vai consumir.

“Construímos um portfolio para entregar economia, simplicidade e conveniência em uma experiência digital com personalização”, ressaltou o diretor de marketing da Oi, Roberto Guenzburguer. “Entendemos que o consumidor tem a necessidade de personalizar a oferta e estamos entregando a possibilidade de ele trocar conteúdo no empacotamento do VoD”, completou.

O Oi Play começou em 2015 como TV em qualquer lugar; em 2018, passou a ser um diferencial para clientes banda larga e de telefonia móvel. Neste ano, a meta é deixar disponível para não clientes com assinatura por cartão. Com isto, os clientes elegíveis a ter acesso à plataforma passaram de 1,5 milhão em 2015 e 8,9 milhões em 2018 para qualquer pessoa com um cartão de crédito. 

Com relação ao Streaming Box, Guenzburguer detalhou que o equipamento — fabricado pela Elsys e baseado em sistema Android —  chegará ao mercado em julho e é uma aposta para ampliar o acesso a conteúdo na TV, com uma experiência digital completa. Estará disponível para consumidores que não são clientes dos serviços da Oi. Assistam a entrevista com o diretor de marketing da Oi, Roberto Guenzburguer.


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Anatel simplifica e zera custo para homologar produtos de Telecom

"A isenção da taxa é imediata e vale para todos os produtos homologados pela Anatel – inclusive radioamadores, drones e produtos importados para uso do próprio usuário”, disse o presidente da Agência Reguladora, Leonardo Morais.

Anatel: Tirando Oi, Telefônica, Claro, TIM e Sky todas as demais são pequenas prestadoras

Critério mudou de 50 mil acessos para 5% de cada mercado relevante, telefonia fixa e móvel, internet e TV paga.  Definição permite a isenção de uma série de obrigações regulatórias.

Acordo entre Enel e teles tenta novo mutirão de ‘limpeza’ dos postes em SP

Meta de limpar 1,8 mil postes até dezembro foi acertada com Vivo, Claro, TIM, Oi e Telcomp e o Procon-SP. 

Teles fazem campanha por conta digital sem papel

Segundo Sinditelebrasil, 76 milhões de clientes ainda recebem faturas impressas todos os meses – em média, 152 milhões de folhas. 




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G