Home - Convergência Digital

Projeto Telemeclima leva 4G à fazenda da Amaggi no Mato Grosso

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 05/07/2019

A Jacto, fornecedora da solução OtmisNET, a TIM e Nokia deflagraram a primeira fase do projeto-piloto 'Telemeclima", para levar conectividade 4G para a fazenda Água Quente (MT), propriedade da AMAGGI. O intuito da iniciativa é evidenciar como as tecnologias embarcadas nas máquinas colaboram para uma gestão mais racional no agronegócio, fornecendo informações em tempo real, possibilitando redução de custos e permitindo que o trabalho seja feito de forma preventiva, mitigando desperdícios e falhas.

Nesta fase, serão conectados cerca de 700 equipamentos agrícolas, além de outras ‘coisas’ que possam utilizar a infraestrutura nesse ecossistema, que se beneficiarão da rede 4G da TIM para melhorar a atuação na fazenda da AMAGGI, uma das principais empresas agrícolas do Brasil com atuação nas áreas de produção agrícola, logística e operações, commodities e energia.

“Esperamos que esse trabalho traga um ganho maior de performance operacional, além da facilidade de comunicação entre os nossos colaboradores, que agora podem realizar chamadas de videoconferência para uma tomada de decisão ou intervenção mecânica remota, caso necessário”, explica Pedro Valente, diretor da AMAGGI Agro.

Cristiano Pontelli, gerente de negócios da Otmis, marca da Jacto para agricultura de precisão, diz que o diferencial da solução adotada na Amaggi é o fato de ela ser multimarcas, podendo ser usada para plantio, pulverização, adubação, colheita e preparo do solo, independente do fabricante da máquina. "Só conseguimos fazer gestão quando medimos as variáveis do processo. E a solução, com o suporte da conectividade da parceria, permite essa agilidade, essa identificação e intervenção no momento em que as falhas estão acontecendo”, explica o executivo.

“Queremos contribuir com a nossa expertise para facilitar a vida do produtor, aumentando sua produtividade.A parceria com a AMAGGI reforça nossa meta que é conectar cinco milhões de hectares com o 4G até o fim do ano”, afirma Alexandre Dal Forno, Head de Produtos B2B & IoT da TIM Brasil. A eficiência operacional do projeto depende também do fornecimento de equipamentos de ponta nesse ecossistema conectado. “O projeto em parceria com a AMAGGI, TIM e Jacto trará ganhos de competitividade e eficiência operacional por meio de inovações tecnológicas fundamentais, como 4G sobre satélite para conectar pessoas e coisas nas fazendas, tudo preparado para evoluir, no futuro, para o 5G. ”, completa Leonardo Finizola, Diretor de Novos Negócios da Nokia no Brasil.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

18/07/2019
Serpro quer ser integrador do Governo em Internet das Coisas

18/07/2019
Reciclagem: MCTIC lista plano de IoT e conexões do Gesac em metas de 200 dias

17/07/2019
BNDES libera primeiro aporte em projeto para internet das coisas

16/07/2019
IoT celular é mercado avaliado em US$ 1 trilhão

12/07/2019
Imposto zero para IoT está na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara

05/07/2019
Projeto Telemeclima leva 4G à fazenda da Amaggi no Mato Grosso

05/07/2019
Desafio IoT tem inscrições abertas até 26 de julho

01/07/2019
Code IoT oferece cursos online gratuitos sobre Internet das Coisas e linguagem scratch

26/06/2019
Decreto coloca IoT no Fistel reduzido e permite enquadramento como SVA

18/06/2019
Embratel: IoT será ferramenta de produtividade para os bancos

Destaques
Destaques

Varejo x bancos: carteira digital vira superaplicativo

Superados os obstáculos iniciais, mercado não financeiro acelera estratégia para ficar com preferência dos consumidores.

Para injetar R$ 200 bilhões na economia, IoT tem de ficar livre das amarras tributárias

Relator da proposta de tributo zero para Internet das Coisas, deputado Eduardo Cury, do PSDB/SP, disse que o setor precisa municiar o Parlamento com dados para convencer à Casa a conceder a desoneração.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site