Home - Convergência Digital

Ex-Secretário da SEPIN assume Movimento Brasil Digital

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 16/07/2019

O ex-secretário da SEPIN no Governo Temer, Thiago Camargo, é o novo CEO do Movimento Brasil Digital (MBD), articulação que reúne mais de 30 grandes empresas de tecnologia, de ArcelorMittar a Zup. Missão é propor mais discussões com o governo sobre tecnologia e inovação na capacitação e produção de inteligência nos setores público e privado.

Camargo é conhecido por sua passagem como secretário de políticas digitais e secretário de políticas de TI do MCTIC durante o governo do presidente Michel Temer, tendo participado de projetos relacionados ao Plano Nacional de IoT (PNIoT) e à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).  Ele também atuou como chefe de gabinete da Secretaria de Meio Ambiente, subsecretário de Planejamento e subsecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação em Goiás e conselheiro do CONAMA.

Atualmente é membro do Conselho Gestor da Internet (CGI.br), sócio-fundador do escritório de advocacia Alencar Lopes Esteves e professor associado da Fundação Dom Cabral. Formado em direito pela Universidade Católica de Goiás, Camargo possui pós-graduação em direito ambiental e urbanístico pela Universidade Anhanguera e mestrado de administração pública pela Columbia University de Nova Iorque, EUA.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

TST suspende demissões na Dataprev enquanto durar crise da Covid-19

Trabalhadores alegaram que os prazos acordados no fim da greve não terão como ser integralmente cumpridos diante da situação emergencial com a epidemia do coronavírus. 

TST: Teletrabalho tem de respeitar os contratos de trabalho

Corte aponta, no entanto, que em situações emergenciais, como a atual crise da Covid-19, a adoção da jornada online temporária prescinde formalização, mas deve respeitar leis trabalhistas. 

Coronavírus: Teles advertem que sem equipes técnicas na rua, há risco para a rede

O SindiTelebrasil está alertando Estados e municípios sobre a necessidade e urgência em manter suas equipes técnicas e os call centers em operação, ainda que de forma reduzida, para garantir a conectividade e como medida essencial.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site