GOVERNO » Compras Governamentais

STF abre pregão de R$ 2 milhões para contratar inteligência artificial

Luís Osvaldo Grossmann ... 12/09/2019 ... Convergência Digital

O Supremo Tribunal Federal abriu nesta quinta, 12/9, um edital para contratação de solução tecnológica de busca e indexação inteligente de jurisprudência e citações, para um contrato de 12 meses, prorrogável até 60, e valor máximo de R$ 2 milhões. 

As especificações do edital são de um lote com cinco itens: a solução de busca inteligente de jurisprudência, de componente inteligente para indexação de acórdãos e decisões, para identificação automática de agrupamento de texto no mesmo sentido, para indexação de legislação citada e, finalmente, suporte e customização. 

É desse conjunto que a estimativa do edital é de um valor máximo de R$ 2,01 milhões. O STF adianta que a base de dados de pesquisa de Jurisprudência da Corte é dividida em 11 bases de pesquisas, com mais de 730 mil registros e com quase 7 mil novos mensalmente. 

Uma nota para os novos tempos de contratações de serviços de tecnologia da informação é a exigência, no edital, de qualificação da equipe técnica da contratada, que deve incluir cientista de dados, com diploma reconhecido pelo MEC de especialização, mestrado ou doutorado em  Big Data, Inteligência Artificial ou Ciência dos Dados. 

O contrato inicial é de 12 meses, com prestação de serviço continuado de suporte técnico e de customização da solução, mas pode ser prorrogado até 60 meses. A abertura das propostas está marcada para 25/9, por meio do portal Comprasnet. A primeira colocada na fase de lances será convocada a realizar, em cinco dias, uma prova de conceito.  


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

PGFN concede poderes ao BNDES vender o Serpro

A fim de privatizar a maior empresa de TI do país, a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional delegou competência ao banco de fomento para alienar a participação da União na estatal. 

Governo publica orçamento sem vetos, com menos recursos para MCTIC

Como aprovado em dezembro, Orçamento estipula R$ 11,81 bilhões para a pasta, 22% a menos do que a Lei Orçamentária original de 2019, depois contingenciada para R$ 13 bilhões. 

Governo diz que não vai vender dados de Serpro e Dataprev, mas pode terceirizar custódia

“Vários países não têm empresas de governo mas custodiam dados. Pode fazer isso internamente ou subcontratar”, diz o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel. 

Microcity recebe certificação CertiGov

Selo de compliance garante a integridade, a conformidade da empresa e a qualifica a vender ao governo reduzindo riscos nas transações.

Dataprev encerra atuação em 20 Estados e quer demissão de 15% dos empregados

Estatal oficializa o Programa de Adequação de Quadro(PAQ) onde coloca como meta a saída de 493 empregados. Também anuncia a centralização das atividades em sete regiões, onde existem data centers e unidades de desenvolvimento.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G