TELECOM

Cidade do Rock 5G registrou 11,6 milhões de conexões em rede WiFi gratuita

Convergência Digital* ... 07/10/2019 ... Convergência Digital

O consumo de dados na rede implantada pela Oi no Rock in Rio alcançou 173,24 Terabytes durante toda a operação da companhia no evento. O volume equivale a mais de 46,8 milhões de fotos em alta definição e é 2,34 vezes superior ao tráfego de dados registrado pela operadora em toda a Copa do Mundo da FIFA de 2014 no Brasil.

O Nickelback, que se apresentou na noite de domingo (dia 6), foi o show mais conectado, com recorde de acessos simultâneos no Oi WiFi – mais de 19,5 mil conexões simultâneas. Já a atração que registrou o maior volume de dados trafegados foi o show da cantora carioca Anitta, com 1,8 TB (ver tabela abaixo). Em todo o evento, a Oi registrou mais de 11,6 milhões de conexões ao Oi WiFi gratuito e aberto ao público. Foi a primeira vez que o público do Rock in Rio, estimado em 100 mil pessoas por dia, pôde estar conectado por uma rede de WiFi gratuita, disponível para clientes de qualquer operadora.

A Oi instalou mais de 56 quilômetros de fibra ótica para atender exclusivamente o evento; mais de 800 equipamentos, em parceria com a Huawei. A infraestrutura contou ainda com mais de 620 antenas e outros 200 aparelhos, conectados através da fibra da Oi, permitindo a comunicação do evento com a rede de transporte de dados da companhia, que conecta todos os estados do Brasil com seus mais de 360 mil quilômetros de fibra ótica.

Cidade do Rock virou Cidade 5G

A Cidade do Rock se transformou na primeira cidade 5G do Brasil, graças a uma rede implantada pela Oi para testes e experiências de uso da nova tecnologia. Quinta geração da conexão móvel, ainda não disponível no Brasil, o 5G foi usado pela equipe de conteúdo do evento para a cobertura em suas redes sociais, com lives diárias e posts na sessão “Por trás das Câmeras”. As postagens mostraram os bastidores do que aconteceu durante as 14 horas diárias de festa no maior festival de música e entretenimento do mundo, com mais de 250 atrações espalhadas por nove palcos.

“Estamos bastante satisfeitos por termos garantido a infraestrutura responsável por toda a conectividade de um festival com a magnitude do Rock in Rio, como já havíamos feito em outros grandes eventos. Trata-se de um serviço estratégico num evento com esse perfil de público, que quer compartilhar o tempo todo pelas redes sociais a experiência que está vivenciando”, afirmou José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi.


Internet Móvel 3G 4G
É urgente fazer software inteligentes para avançar Internet das Coisas no Brasil

"Faltam plataformas avançadas de software de IoT para automatizar os processos e integrar diferentes tecnologias, como a própria internet das coisas, análise de big data e computação em nuvem e de névoa para a implantação de aplicativos-piloto na gestão inteligente da água", exemplifica Marcos Visoli, pesquisador da Embrapa.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Autor da nova Lei das teles lidera entidade para brigar por banda larga

Ex-deputado Daniel Vilela vai presidir a Aliança Conecta Brasil F4, que nasce com apoio da Huawei, FiberX e da consultoria Teleco, mas quer novos associados. “Não existe economia digital sem infraestrutura”, afirma.

Apple é multada por reduzir desempenho de iPhones antigos

Sanção de 25 milhões de euros foi imposta pelo órgão da concorrência da França. Empresa admitiu em 2017 que reduz deliberadamente a performance de vários modelos mais velhos.

Femtocells terão tratamento igual a dos roteadores Wi-Fi na Anatel

Decisão foi tomada pela Anatel para massificar o uso das antenas de baixa frequência e que amplificam o sinal da telefonia móvel. Até então restritas apenas às operadoras, as femtocells poderão ser compradas e instaladas pelo consumidor.

5G: Edital vai à consulta com 400 MHz em 3,5 GHz e bloco exclusivo para os pequenos

Depois de muito ruído, além de retomar modelo tradicional de leilão, a proposta aprovada no Conselho Diretor da Agência prevê ressarcimento à radiodifusão pela Banda C estendida e modelo do 4G de empresa independente para operacionalizar mitigação de interferências. 




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G