Home - Convergência Digital

Por R$ 1,2 milhão, Claro fica com contrato de telefonia móvel para atender Anatel

Convergência Digital - Carreira
Luís Osvaldo Grossmann - 09/10/2019

A Claro bateu as outras três grandes e ficou com o contrato de prestação de serviços de telefonia móvel para atender a Anatel durante os próximos 30 meses, por um total estimado de R$ 1,199 milhão – com a possibilidade de prorrogação pelo mesmo período. O contrato foi publicado no Diário Oficial desta quarta, 9/10.

O valo final representou um corte significativo sobre o lance inicial do pregão eletrônico, realizado em setembro, que começou em R$ 2,5 milhões – um pouco abaixo dos R$ 2,6 milhões que a Anatel tinha como valor de referência a partir de pesquisa de preços na preparação do edital. 

Nas cinco horas de disputa, Oi, Vivo, Tim brigaram lance a lance, até a casa do R$ 1,5 milhão, quando então a Claro baixou em mais de R$ 300 mil de uma vez e ficou com o melhor preço. O contrato envolve prestação de Serviço Móvel Pessoal, com fornecimento de dispositivos do tipo Smartphones, Modems USB e Tablets.  

O prazo de 30 meses começa a ser contado de 4/12/2019 e vai até 4/06/2022. O valor mensal estimado é de R$ 39.995,52, o qu

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/11/2019
Acesso a dados de quem ligou é inconstitucional e não pode virar norma

08/11/2019
Anatel adere à iniciativa de auto composição do Consumidor.gov.br

08/11/2019
Anatel vai licitar posições de satélite, mas muda termos para atender Claro e Hispamar

07/11/2019
Anatel adia e edital do 5G tende a ficar para 2020

07/11/2019
Anatel discute com BID financiamento para prestadoras de pequeno porte

07/11/2019
Oi pede, mas Anatel nega reabertura de negociação para troca de multas

04/11/2019
Com IA, governo libera gigantes globais de TI nas compras públicas

01/11/2019
Cade aceita recurso da TIM e vai aprofundar análise Claro/Nextel

30/10/2019
CADE condena empresas e pessoas físicas por cartel de TI em Brasília

28/10/2019
É oficial. Pregão eletrônico fica obrigatório para administração federal

Destaques
Destaques

5G exige políticas públicas e apoio do Governo

Como ressalta o diretor de relações governamentais da Huawei, Carlos Lauria, investimentos pesados em infraestrutura de redes envolvem políticas públicas em qualquer país. 

Redes privadas no 5G impulsionam o crescimento econômico do País

“Nas quatro verticais indicadas pelo governo as redes privadas podem ter impacto forte. Por isso a abertura regulatória é muito importante”, defende a gerente da Qualcomm, Milene Pereira. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Carro autônomo: decisões baseadas em dados vão evitar acidentes?

Por Rogério Borili *

O grande debate é que a inteligência dos robôs precisa ser programada e, embora tecnologias como o machine learning permitam o aprendizado, é preciso que um fato ocorra para que a máquina armazene aquela informação daquela maneira, ou seja, primeiro se paga o preço e depois gerencia os danos.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site