INOVAÇÃO

IoT: Vivo e Esalq mostram projeto pioneiro de irrigação 100% conectada

Converência Digital ... 14/10/2019 ... Convergência Digital

Em uma parceria da Vivo Empresas com a  Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq-USP) foi apresentado o projeto de “Fazenda Conectada”, na cidade de Piracicaba, interior de São Paulo, onde a rede 4G, sensores e soluções digitais permitiram a conectividade de 100% do sistema de irrigação em uma área de 100 mil m² (10 ha). 

A área já contava com sistema de irrigação, com um pivô central para cultivo de milho, cana-de-açúcar e soja, e um lisímetro, que mede o consumo de água. A ideia do projeto foi automatizar todo esse sistema com conectividade e solução baseada em internet das coisas. 

“Neste processo, a conectividade da estação meteorológica torna-se essencial. Caso lisímetro indique que a água facilmente disponível no solo esteja no final – isso associado a uma previsão de tempo seco -, automaticamente o pivô central será acionado para liberar exatamente a quantidade de água necessária para aquela cultura” afirma o Head de Marketing e Produtos IoT/Big Data B2B da Vivo, Diego Aguiar. 

“O projeto é pioneiro no País por se tratar de um sistema de irrigação 100% conectado, com benefícios diretos na operação, como a redução de falhas decorrentes de erros humanos, o aumento de produtividade – já que o cultivo está sempre em condições ideais de água no solo –, a redução de custos e, ao otimizar o consumo de água e energia, a diminuição de impactos ambientais”, acrescenta Aguiar.

A solução é dedicada à coleta, armazenamento, processamento e transmissão de dados de todos os sensores conectados à estação, podendo medir: chuva, velocidade e direção do vento, radiação solar, temperatura e umidade relativa do ar, umidade do solo, e pressão atmosférica. Nível e vazão de rios e lagos além de qualidade do ar e água também podem ser medidos por esse tipo de estação. Os agricultores da região terão acesso a todas essas informações em tempo real e em qualquer lugar, viabilizando a tomada de decisão de forma rápida, mitigando riscos e aumentando a produtividade na fazenda em toda a região de Piracicaba.


Covid-19: Japão troca garçons por robôs em restaurantes

Equipado com sensores e câmeras 3D, robô custa R$ 5,2 mil por mês. Robô foi criado para 'fugir' das legislações restritavas impostas pelo governo por proteção contra a pandemia.

Tecnologias vestíveis crescem 21%, mesmo com câmbio alto e pandemia

Segundo a IDC, foram vendidos 208,3 mil dispositivos como ‘fitbands’ e ‘smartwaches’ no Brasil no segundo trimestre deste 2020. 

Startup nacional é acelerada para avançar no uso dos robôs de investimento

Solução da Allê Invest foi escolhida pelo Hupp, programa de aceleração da Abrapp - Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar - para ser acelerada. Mercado é estimado em US$ 18 trilhões no mundo, em 2025.

Brasileiro cria método mais simples de fazer fibra ótica

Iniciativa é do pesquisador Cristiano Cordeiro, professor do Instituto de Física da Universidade Estadual de Campinas (IFGW-Unicamp) e a fabricação se mostra muito mais simples, rápido e barato do que os tradicionais.

Disputa pelos 'sem banco' acirra guerra entre bancos e fintechs de pagamento

Pesquisa, feita pela Temenos, em 32 países indica que 29% dos executivos de instituições financeiras mostra que um de cada três bancos vê as fintechs como ameaça principal aos seus negócios.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G