Home - Convergência Digital

Autorregulação marca o retorno ao trabalho das empresas de TI em São Paulo

Convergência Digital* - 29/06/2020

As entidades patronais de TI, como a ABES - Associação Brasileira das Empresas de Software, e a Brasscom, em conjunto com o setor de telecomunicações e de tecnologia da informação, assinaram um termo de compromisso referente a implementação de protocolo que guiará a retomada das atividades deste segmento na cidade de São Paulo, SP com a prefeitura de São Paulo. O acerto foi firmado no sábado, dia 27 de junho.  O relevante do acerto é que é uma autorregulação, inédita entre governo e setor privado.

O termo considera que a retomada abrupta e descuidada das atividades poderá representar um retrocesso no processo de flexibilização de medidas restritivas, ocasionando graves prejuízos à saúde e à economia. "Estamos comprometidos em ajudar a cidade de São Paulo a voltar às atividades com todo o cuidado e atenção que este período sensível precisa. Por isso, estamos adotando protocolos sanitários que auxiliarão na prevenção e na contenção da disseminação da pandemia ao mesmo que em que as atividades do setor de TI sejam retomadas de forma gradual e cuidadosa na capital, resume Rodolfo Fücher, presidente da ABES.

Para o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo, o protocolo de retomada é fruto de uma parceria efetiva entre as empresas e o governo. "O setor concebeu uma autorregulação que inaugura uma dinâmica inovadora na interação com o poder público, o que potencializa a retomada do trabalho presencial nas empresas com toda a segurança", pontuou.

Além de estabelecer em lei as regras de distanciamento social de 1,5m no ambiente de trabalho, utilização de barreiras físicas entre as estações, estímulo ao teletrabalho e limpeza dos ambientes, este termo prevê treinamentos periódicos e orientações aos funcionários quanto aos sintomas de Covid-19, higienização e obrigatoriedade do uso de máscaras.

As empresas também se comprometeram em diminuir em 80% a permanência de clientes no escritório enquanto a cidade se encontrar na classificação laranja no Plano São Paulo, 60% se estiver na classificação amarela e 40% se estiver na classificação verde. E os horários de funcionamento serão diferenciados para que sejam evitados os horários de pico do transporte público.

Além disso, não deverão retomar às atividades presenciais os funcionários pertencentes ao grupo de risco, que tiveram sintomas ou contato com pacientes infectados ou com suspeita do COVID-19 nos últimos 7 dias; ou que tenham filhos que, para cumprir o expediente, dependam do funcionamento de creches ou escolas que ainda não tenham retomado as atividades. O prazo de vigência do termo de compromisso assinado é o período do Estado de Calamidade Pública na cidade de São Paulo por conta da pandemia de coronavírus, não ultrapassando doze meses da data de sua assinatura.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

28/09/2020
SD-WAN ganha musculatura com a Covid-19 na América Latina

25/09/2020
Governo diz ter economizado R$ 1 bilhão com teletrabalho

23/09/2020
Mobile World Congresso 2021 é adiado de fevereiro para junho

23/09/2020
Dos 10% em teletrabalho no Brasil, maioria é branca, tem diploma e maior renda

21/09/2020
Covid-19 aumentou 16% os cancelamentos e em 10% a inadimplência em telecom

18/09/2020
Paul Krugman: crise econômica está longe de passar no mundo

18/09/2020
Bradesco: Empresas entenderam na dor as mudanças impostas pela Covid-19

17/09/2020
Natura: sistemas na nuvem foram aliados para enfrentar a Covid-19

16/09/2020
Claro e TIM, por R$ 3 milhões/mês, fornecem internet para 540 mil no Distrito Federal

09/09/2020
Volta ao escritório pós-Covid-19 chega a 62% até dezembro

Cientista de dados: seja investigativo, analítico e curioso

Não há um perfil delimitado para o cientista de dados, o que significa que ele pode ser um 'profissional mais rodado e experiente' ou uim jovem recém-saído das universidades. Mas há um ponto essencial: a multidisciplinaridade, aponta o professor e especialista em ciência de dados do Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI), João Carlos Barbosa.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

Um em cada cinco servidores públicos será substituído por robô no Brasil

A Escola Nacional de Administração Pública estima que, por conta da Transformação Digital, a automação deverá substituir cerca de 100 mil postos de trabalho no Serviço Público Federal nos próximos cinco a 10 anos, sendo que a metade deles terá menos de 50 anos.

Acordo trabalhista em Goiás será pago em Bitcoins

Em conciliação realizada pelo TRT de Goiás, empresa de mineração aceitou o pagamento no valor de R$350 mil convertidos na moeda eletrônica. 

Teletrabalho: Novo PL quer acordo prévio para custos com Internet e PCs

Iniciativa também não permite que o tempo de uso dos aplicativos, como o WhatsApp, fora da jornada normal, seja um regime de prontidão. Projeto tem regras distintas da IN 65 do Governo Bolsonaro para os servidores públicos.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site