Clicky

Convergência Digital - Home

IFPI vai migrar portal acadêmico para nuvem com Embratel/AWS

Convergência Digital
Convergência Digital - 02/03/2020

A Embratel anunciou contrato de desenvolvimento de arquitetura em nuvem para a migração de servidores do Instituto Federal do Piauí (IFPI), um dos primeiros órgãos à aderir à nuvem pública do governo federal. O esgotamento da capacidade dos servidores próprios da instituição foi o primeiro impulso para adesão do IFPI à ata conduzida pela Secretaria de Governo Digital. Mas novas funcionalidades já estão sendo implementadas. 

Segundo a Embratel, que venceu o pregão por meio da subsidiária Primesys, o Sistema Unificado de Administração Pública (Suap), responsável pela informatização dos processos administrativos e gerência organizacional do IFPI e a página web do Instituto, bem como o portal web, foram os primeiros alvos da migração para a nuvem. 

O próximo passo envolve o Q-Acadêmico, portal e sistema desktop dedicado aos professores e alunos para acesso e gerenciamento de informações acadêmicas como histórico escolar, lançamento de notas e acervo da biblioteca, que também passará a ser armazenado em nuvem.

“A arquitetura em nuvem desenvolvida pela Embratel possibilita a administração mais simplificada, segura e escalável de grandes volumes de dados dos clientes”, avalia Mário Rachid, Diretor Executivo de Soluções Digitais da empresa. 

Antes da migração feita pelo cliente, a Embratel também criou redes e dispositivos de segurança para suporte da infraestrutura do IFPI na Nuvem, como WAF (Firewall de Aplicativos Web), para interceptação de tentativas de ataques cibernéticos aos sistemas. O acesso para gerenciamento dos dados em Nuvem é feito por meio do Painel Multicloud Embratel, uma plataforma de gestão de múltiplas Clouds, por pessoas previamente definidas pelo IFPI.

Na próxima etapa do projeto, será realizada a migração do Q-Acadêmico, sistema de acesso exclusivo para professores e alunos. “Queremos proporcionar mais facilidade e qualidade no acesso às informações e ferramentas para uma experiência mais positiva, rápida e simples aos usuários”, diz Eduilson Carneiro, Diretor de Tecnologia da Informação do IFPI.

O Instituto Federal do Piauí é uma instituição de ensino básico, técnico e superior especializada na oferta de educação tecnológica e profissional em diferentes modalidades de ensino. O projeto com a Embratel faz parte de licitação vencida pela empresa para fornecimento de soluções, apoio técnico e treinamento de Computação em Nuvem para diversos órgãos do Governo Federal.

“A digitalização do Governo Federal tem um impacto importante na sociedade. A Embratel colabora com as melhores soluções e profissionais para que os serviços prestados levem reais melhorias ao governo e à população”, afirma Maria Teresa Lima, Diretora Executiva para Governo da Embratel.


Destaques
Destaques

TIM elege a nuvem e mira não ter mais datacenter em 2023

Ao assumir estar no meio de uma jornada para ser uma operadora 100% baseada em dados, a CIO da TIM Brasil, Auana Mattar, conta como é trabalhar com três provedores: Google, Microsoft e Oracle. Ao participar do SAS Telco Summit 2021, a executiva observou: é importante estudar as aplicações e como elas se comunicam antes de migrá-las para computação em nuvem.

Inteligência Artificial: Com estratégia certa, impacto de quatro pontos no PIB do Brasil até 2030

A inteligência artificial exige que se forme e qualifique profissionais no país, advertem especialistas. Para eles, a IA evoluiu e já passou da etapa de experimentação pra uso industrial. Para Fábio Cozman, da USP, a IA leva o país para a Sociedade 5.0, quando máquinas e seres humanos vão interagir de forma harmoniosa.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como ter nuvem sem reescrever sistemas e adequada à LGPD

Por Marco Wenna*

Como auditar e reescrever linhas de código em tempo hábil para essas migrações para a nuvem a um custo factível para que todas as linhas de código estejam em conformidade com a Lei Geral de Proteção a Dado? Esse é um desafio presente.

Serviços SaaS, proteção de dados e a LGPD

Por Eder Miranda*

Ter um plano abrangente de proteção adicional de dados para as plataformas SaaS é vital para os negócios, uma vez que as empresas não podem abrir sem ter o controle sobre o que está sendo protegido e sobre a maneira como isso está sendo feito pelos fornecedores de software como serviço.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site