Clicky

GESTÃO

Mensagens de WhatsApp fora do expediente não configuram sobreaviso

Convergência Digital ... 21/01/2021 ... Convergência Digital

Participar de grupo de rede social não caracteriza limitação do direito de ir e vir. Esse foi o entendimento da 10ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região ao negar o pagamento de horas de sobreaviso a uma trabalhadora que recebeu mensagens no grupo de WhatsApp da empresa fora do expediente. A mulher alegou que era obrigada a cumprir jornada extraordinária de, em média, duas horas diárias. Segundo ela, durante esse período prestava contas e atendia chamadas de seu supervisor por meio do aplicativo.

Na 26ª Vara do Trabalho de Porto Alegre, o pedido de horas de sobreaviso foi extinto sem resolução de mérito, porque a autora não teria formulado a petição inicial corretamente. A trabalhadora interpôs recurso ordinário contra a decisão.  O desembargador Janney Camargo Bina, relator do processo no TRT-4, explicou que o regime de sobreaviso ocorre quando o empregado é impossibilitado de deixar sua residência ou se afastar do local onde presta serviços, devido à possibilidade de ser chamado pelo empregador. "O empregado encontra-se, assim, limitado no direito de ir e vir durante um determinado período para o fim de atendimento do empregador", esclareceu.

De acordo com o relator, não havia provas de que a empresa exigia que a autora ficasse em casa para atender demandas de trabalho. Além disso, uma testemunha afirmou que a participação e interação no grupo de WhatsApp sequer era tratada como obrigatoriedade pela empresa. "Assim, verifica-se que a reclamante não tinha cerceado seu direito de locomoção. O fato de participar de grupo de rede social não tem o condão de, por si, só configurar o regime de sobreaviso", destacou o magistrado. Seu voto foi acompanhado por unanimidade.

Com informações da assessoria de imprensa do TRT-4.


Na jornada digital, o ERP dá ao cliente a resposta em tempo real

O uso do ERP foi crucial para dar transparência e agilidade aos sistemas para as cobranças efetivas dos clientes, afirma o CFO da Lipson Cosméticos, Marco Magalhães. Já Marcelo Cabral, da Agasus, diz que um portal de comércio eletrônico está sendo viabilizado para acelerar as vendas dos equipamentos seminovos.

Internet representa metade do faturamento para os MEI

Segundo pesquisa do Sebrae e da FGV, um terço dos microeempreendores individuais usa canais online para mais de 50% das vendas. WhatsApp é o canal preferido de inserção no mundo virtual com 88% de adesão.

Serpro: acordo coletivo tem abono de R$ 2 mil e reajuste de 5,3%

Segundo a Fenadados, acordo só foi possível a partir da mediação do Tribunal Superior do Trabalho. Reajuste equivale a 70% do INPC 2020/2021.

Vivo tem meta que sua cadeia de fornecedores seja net zero até 2040

A operadora mobilizou seus fornecedores que possuem atividades intensivas em CO2, para reduzirem suas emissões de gases de efeito estufa. A meta global da companhia é diminuir em 39% as emissões em sua cadeia de valor, o chamado escopo 3, até 2025 e zerar as emissões líquidas até 2040.




  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G