Clicky

SEGURANÇA

LGPD: OAB-SP autoriza escritórios de advocacia atuarem como DPOs

Luís Osvaldo Grossmann ... 20/07/2021 ... Convergência Digital

Ao analisar uma consulta, a seção de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil chancelou o exercício da atividade de encarregado de dados, ou DPO, não apenas por advogados como pessoas naturais, mas também as sociedades, os escritórios de advocacia. 

“O advogado ou sociedade de advogados, na função de Encarregado de Tratamento de Dados ou DPO, deverá agir com a máxima cautela em razão da recentidade e complexidade do tema e ficará sujeito a todos os deveres e limitações éticas previstas para o exercício da atividade jurídica, a exemplo, mas não se limitando, ao regramento ético da publicidade, sigilo, captação indevida de clientela e conflito de interesses”, é a ementa fixada pela 1ª Turma de Ética e Disciplina da OAB-SP

Mais do que isso, a OAB entende que “o exercício da função encarregado pelo tratamento de dados, conforme estabelecido pelo art. 41 da LGPD, pode representar um importante nicho de mercado, que poderá ser acessado pelo advogado e pela sociedade de advogados,  com o auxílio de equipe multidisciplinar, sem vedação ética, desde que observados todos os princípios e limitações  ditados pelo Código de Ética e Disciplina da OAB e demais comandos éticos relacionados ao exercício da atividade jurídica em geral”.

Ao lembrar outra decisão da OAB sobre proteção de dados, a decisão aponta que “o texto original da LGPD previa que o encarregado apenas seria ‘pessoa natural’, esta figura foi modificada pela Medida Provisória 869 e depois pela Lei 13.853/2019. Desta forma, a lei autorizou a inclusão de empresas e pessoas físicas para atuarem como DPO (encarregado de dados), sem exclusão legal de uma ou outra possibilidade, ou seja, tanto advogado quanto sociedades de advogados poderão, grosso modo, integrar o rol de prestação de serviços compatíveis com nova Lei Geral de Proteção de Dados, assim observadas às recomendações e normas regulatórias do setor.”


Telecom somou 2,6 milhões de transações fraudulentas no 1º semestre

Já os celulares são os aparelhos com maior tentativa de fraude nas vendas pela internet: 5,1% dos casos. 

Dar segurança ao trabalho remoto foi a missão da TI com Covid-19

Pesquisa global mostra como adaptação dos profissionais ao teletrabalho teve que focar em ameaças de phishing, ataques e malware. 

ANPD e NIC.br assinam cooperação para gerar cultura de segurança de dados

Assinatura também marcou o lançamento de cartilhas do NIC.br sobre proteção de dados e vazamentos de dados.  Eles orientam sobre os direitos e deveres dos titulares dos dados.

Operação contra Pirataria Digital bloqueia 344 sites e 95 apps de transmissão ilegal de conteúdo

A terceira fase das operação 404 acontece em nove Estados do País e também removeu perfis de redes sociais e de buscadores da Internet. Ação policial tem apoio das embaixadas dos EUA e do Reino Unido.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G