TELECOM

Anatel aprova reajuste de até 6,76% na telefonia fixa

Luís Osvaldo Grossmann ... 11/07/2019 ... Convergência Digital

A Anatel aprovou nesta quinta, 11/7, um novo reajuste da tarifas da telefonia fixa, tanto para chamadas locais como de longa distância. São aumentos nos planos básicos oferecidos pelas concessionárias, portanto somente nesses casos na Oi, Telefônica, Claro (Embratel), Algar e Sercomtel. 

Os percentuais variam em cada uma delas. O mais baixo foi para a Algar (0,73%) e o mais alto para a Sercomtel (6,76%). Na Oi, o reajuste autorizado é de 6,05%, enquanto na Telefônica e na Claro de 4,94% e 6,09%, respectivamente. Segundo a Anatel, todos abaixo do IST, o índice de inflação do setor. 

As empresas também apresentaram pedidos distintos para reajuste dos créditos dos cartões indutivos. Os valores pleiteados variam de R$ 0,13250 a R$ 0,14051, mas a Anatel manteve valor único em todo o território nacional, de R$ 0,13300. Segundo a agência, a definição desse valor implica ao adquirente do cartão indutivo mais simples, de 20 créditos, o desembolso de R$ 2,66.

 

Concessionária

Intervalo

Variação IST

Variação Máxima Item Individual

Reajuste máximo da cesta Local/LDN

Sercomtel 

jan/17 a out/18

8,39%

13,81%

6,76%

Algar Telecom

mar/17 a out/18

7,56%

12,93%

0,73%

Telefônica

dez/16 a dez/18

8,93%

14,37%

4,94%

Claro

mar/17 a out/18

7,56%

12,93%

6,09%

GRUPO Oi

mar/17 a nov/18

7,59%

12,97%

6,05%

 


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Consumidores reclamam de proposta da Anatel que reduz conselho de usuários

Idec e Coalizão Direitos na Rede apontam que novo regulamento do Cdust prevê apenas um conselho nacional por operadora, no lugar dos 30 regionais atuais. E que agência suspendeu eleição com 300 mil votos. 

Projeto que torna roaming obrigatório passa na CCT da Câmara

Medida, que na prática já é prevista em leilões de espectro, vale somente para Vivo, Claro, Tim e Oi. 

STF nega recurso e TIM vai pagar multa de R$ 1 milhão por “Ilimitado” e “Liberty”

Em ação iniciada ainda em 2012, Ministério Público do DF reclamou de publicidade enganosa e restrições unilaterais nos contratos. Em nota, TIM “reitera o compromisso com a transparência das suas ofertas de planos e serviços”. 

Bolsonaro: Nova Lei de Telecom é uma oportunidade ímpar de mudar o Brasil

Governo realizou uma solenidade no Palácio do Planalto para marcar a sanção do novo marco legal. Ministro Marcos Pontes e representantes do setor participaram da cerimônia.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G