INOVAÇÃO

Pesquisa de inovação mostra investimento baixo e falta de política pública

Convergência Digital ... 16/04/2020 ... Convergência Digital

As empresas consideradas inovadoras no Brasil investiram R$ 67,3 bilhões em atividades inovativas no ano de 2017, o que corresponde a 1,95% da receita líquida total das vendas no mesmo ano. É o que mostra a Pesquisa de Inovação (Pintec), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta, 16/4.

De acordo com os dados, entre 2015 e 2017, 33,6% das 116.962 empresas brasileiras com dez ou mais trabalhadores fizeram algum tipo de inovação em produtos ou processos, o que significa 2,4 pontos percentuais a menos que na pesquisa anterior (que avaliou o período entre 2012 e 2014). Na indústria, a queda foi ainda maior, de 36,4% em 2014 para 33,9% em 2017.

São números baixos para uma economia das dimensões do Brasil. Conforme indica a Confederação Nacional da Indústria, o investimento anual em P&D tem ficado na média de US$ 40,5 bilhões. Muito abaixo da Coreia do Sul (US$ 84,2 bilhões), da Alemanha (US$ 110,09 bilhões, do Japão (US$ 155,1 bilhões), da China (US$ 442,7 bilhões) e dos Estados Unidos (US$ 483,6 bilhões). 

Por isso, a CNI reclama a construção de uma Política Nacional de Inovação consistente. “A capacidade das empresas inovarem é determinante para aumentar o desenvolvimento econômico e social do Brasil. A agenda de inovação é urgente e precisa ser vista como prioridade de país”, afirma a diretora de Inovação da CNI, Gianna Sagazio.

Segundo ela, a inovação terá fundamental importância para a superação da crise causada pelo coronavírus. Mas a política, ainda em elaboração pelo Minsitério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, precisa contemplar alguns eixos fundamentais. 

Entre eles, a criação de um ambiente institucional e regulatório favorável à CT&I; a oferta de instrumentos de subvenção econômica e de crédito compatíveis com o risco tecnológico; e o apoio do Estado ao desenvolvimento científico, para que haja um ambiente favorável à produção de conhecimento e tecnologias de ponta.


Cloud Computing
Microsoft elege o Rio de Janeiro para novo datacenter no Brasil

Presidente da operação brasileira, Tânia Cosentino, diz que nova região atende aumento da demanda e preocupações em manter dados no país.  Datacenter chega para acirrar a disputa no segmento com as rivais AWS e Google.


Fiemg lab e Fiat Chrysler automóveis (FCA) buscam startups de Supply Chain e Manufatura

Competição está com inscrições abertas até o dia 28 de outubro. Oito projetos serão selecionados e terão testes industriais em 2021.

Waze: força das comunidades e dos 50 mil voluntários fazem a diferença

A colaboração é o segredo do sucesso do Waze e estabelecer canal ativo com os clientes é missão, contou a Global Group Manager, Hila Roth.

Inovar é deixar de olhar para o próprio umbigo

Marcelo Salim, da IBM, Percival Jatobá, da Visa e Ana Leão, da Isobar, assumem que o consumidor é quem está selando o destino das marcas e com voz mais ativa.

TOTVS Techfin: Na crise, sobrevivem os mais adaptáveis às mudanças

O momento exige resiliência e perseverança, mas a crise acelerou uma jornada e colocou, de vez, o consumidor como o centro dos negócios, afirmou Eduardo Neubern, diretor-executivo da Totvs Techfin.

Empresas estão comprando tecnologia, mas não fazem a transformação digital

Sem entender o consumidor, a transformação digital simplesmente não vai acontecer, atestaram Sílvio Meira, cientista-chefe na The Digital Strategy Company; Luiz Sergio Vieira, CEO da EY Brasil, e Agenor Leão, vice-presidente de plataformas de negócios da Natura para América Latina.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G