GESTÃO

Procura pela Carteira de Trabalho digital cresce 105% em 30 dias

Convergência Digital* ... 13/05/2020 ... Convergência Digital

A Carteira de Trabalho Digital, desenvolvida pela Dataprev, já conta com 7,4 milhões de downloads. A solução registrou um aumento de 104,9% na quantidade de acessos nos últimos 30 dias, alcançando 19,44 milhões, devido à maior utilização dos canais digitais durante a pandemia do novo coronavírus. O aplicativo permite ao cidadão acessar as informações da carteira física e emitir a CTPS de forma digital e, desde 4/5, é possível também consultar pelo app informações sobre o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm).

Instituído pelo Governo Federal por meio da Medida Provisória 936, como parte das ações para enfrentamento da Covid-19, o benefício emergencial, processado pela Dataprev, é concedido quando há acordos entre trabalhadores formais e empregadores em casos de redução proporcional de jornada de trabalho ou suspensão temporária do contrato de trabalho.

“Como parceira tecnológica do Governo Federal e empresa especializada em soluções digitais, a Dataprev contribui para viabilizar as ações de enfrentamento à pandemia e assim facilitar o acesso do cidadão aos seus direitos, especialmente neste momento em que os canais digitais são ainda mais demandados”, ressalta o presidente da Dataprev, Gustavo Canuto.

Com o aumento no número de acessos, a Dataprev reforçou sua infraestrutura de TI para garantir a estabilidade do ambiente que atende não só a CTPS Digital, como também o Portal Emprega Brasil. As soluções englobam serviços acessados remotamente por empregadores e trabalhadores.

A Carteira de Trabalho Digital substitui o documento em papel desde setembro de 2019, trazendo comodidade para o trabalhador. O aplicativo está alinhado com a política do governo de Transformação Digital e de levar mais eficiência e melhores serviços à população. Segundo dados da Secretaria de Governo Digital, do Ministério da Economia, mais de 600 serviços públicos digitais foram entregues pelo Governo Federal em 15 meses.

O aplicativo passou a permitir a emissão da CTPS apenas com o CPF, que agora é o único número necessário para contratação de trabalhadores em empresas aderentes ao e-Social. Outra facilidade é que, com a CTPS Digital, o cidadão passa a ter acesso ao documento em apenas um dia. Todos os contratos de trabalho (novos ou já existentes) e anotações (férias, salário etc) são feitos apenas eletronicamente, podendo ser acessados de qualquer lugar pelo aplicativo, que pode ser baixado gratuitamente, ou pelo portal de serviços do governo.

* Com informações da Dataprev

A solução está disponível para Android e iOS. Em dezembro de 2019, foi disponibilizada a versão do app contemplando as funcionalidades de requerimento e habilitação do Seguro-Desemprego.

“O aplicativo vem evoluindo em funcionalidades, como a substituição da carteira de papel e a inclusão de um dashboard com informações gráficas sobre a vida laboral do trabalhador, o que com a carteira em papel não era possível”, ressaltou o superintendente de Relacionamento Comercial e Mercados da Dataprev, Flavio Ronison.

O documento digital está disponível para todos os brasileiros e estrangeiros que estejam registrados no CPF.


Governo recria Conselho Nacional do Consumidor e inclui Anatel

Decreto cria órgão com 15 integrantes, sendo quatro das agências de telecomunicações, aviação civil, energia e petróleo. 

Covid-19 acelerou digitalização de 200 serviços públicos

Segundo a Secretaria de Governo Digital, em 18 meses já são 800 serviços acessíveis totalmente de forma digital. 

Petrobras adota satélite de baixa órbita para reduzir tempo de transmissão de dados

Estatal contratou satélites de órbita média terrestre para reduzir em 75% a transmissão de dados. Tecnologia vai ser usada em outras oito plataformas da Petrobras, instaladas nos campos de Búzios, Lula, Berbigão e Atapu.

Apenas 15% das PMEs conseguiram crédito durante pandemia de Covid-19

Pesquisa do SEBRAE, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, mostra que apenas 1 milhão das pequenas e médias empresas conseguiram recursos bancários por falta de garantia e/ou nome negativado. Venda por aplicativos e pela Internet foi a saída para evitar o fechamento dos negócios.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G