Clicky

Anatel pede fim de restrições a antenas em carta a prefeitos e vereadores

Luís Osvaldo Grossmann ... 04/05/2021 ... Convergência Digital

O presidente da Anatel, Leonardo de Morais, divulgou nesta terça, 4/5, uma ‘carta aberta às autoridade municipais’ na qual pede que prefeitos e vereadores adotem mudanças nas legislações que dificultam a instalação de antenas de celular nas cidades brasileiras. 

Ele argumenta na carta que “a dificuldade para obtenção de licenciamento urbano de infraestruturas de telecomunicações é um dos principais empecilhos para instalação de equipamentos”. E isso resulta em experiências ruins para os usuários dos serviços, redução de investimentos e mesmo de tributos.

“A burocracia para a obtenção de licenças para a instalação de infraestruturas de telecomunicação materializa-se, por exemplo, desde o excesso na quantidade de regras e de instâncias de aprovação, até a proibição de instalação dos equipamentos em determinadas regiões das cidades”, afirma Morais. 

Segundo ele, “os entraves prejudicam sobremaneira a expansão da cobertura das redes e a qualidade dos serviços. Essas infraestruturas de suporte muitas vezes esbarram na burocracia e na fragmentação de competências locais ou mesmo em exigências ou regras de instalação inadequadas”. 

Ao destacar, ainda, que a demanda por antenas deverá aumentar com a chegada do 5G, Morais pede ajustes nas regras locais. “Convido-lhes a uma reavaliação das legislações municipais que regulamentam a instalação de infraestruturas de telecomunicações em suas respectivas cidades, bem como dos procedimentos administrativos necessários para tal”, completa. 


Internet Móvel 3G 4G
Magalu faz quarta aquisição para delivery de alimentos

Plus Delivery vai integrar a AiQFome, presente em 580 cidades, sobretudo pequenas e médias e atingiu mais de 2,7 milhões de pedidos no último mês. O valor da aquisição não foi revelado.

Wi-Fi 6E Brasil 2021 - Cobertura especial - Editora ConvergenciaDigital

Wi-Fi 6E: o futuro da infraestrutura do Wi-Fi

As faixas de 2,4 GHz e de 5 GHz estão congestionadas no Brasil e torna-se urgente ter mais frequência por mais capacidade e eficiência, afirma o chefe de Tecnologia da CommScope para Caribe e América Latina, Hugo Ramos.

Veja mais matérias deste especial

À espera da venda para TIM, Claro e Vivo, Oi Móvel emite R$ 2 bilhões em debêntures

Em fato relevante, a operadora informou que as debêntures serão subscritas e integralizadas por fundo de investimento gerido por subsidiária do Banco BTG Pactual S.A. Operação segue em análise no CADE e na Anatel.

Red Hat: para ser cloud nativa, uma tele precisa mais do que transformação digital, precisa de nova cultura

Mudar a mentalidade é essencial para que uma operadora de telecomunicações transforme seus negócios e suas redes, afirma Livio Tulio Silva, da Red Hat.

Cade aprova venda do controle da empresa de fibra da TIM para IHS

Operadora vai receber R$ 1 bilhão e pretende usar o dinheiro para pagar a fatia com a qual vai ficar a partir da compra da Oi Móvel.

TIM emite R$ 1,6 bilhão em debêntures vinculadas à ESG

Operação é a primeira realizada por uma empresa de telecomunicações no país. Tele diz que todos os recursos arrecadados serão investidos em infraestrutura, em especial, no 5G.




  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G