Home - Convergência Digital

Liberação da faixa de 700 MHz aumentou velocidade e tempo de uso do 4G

Convergência Digital - 14/11/2019

A liberação da faixa de 700 MHz para a disponibilização de sinal 4G pelas operadoras brasileiras trouxe avanços na experiência móvel dos usuários das principais cidades do país. É o que aponta o último relatório da Opensignal, empresa de análises móveis. As três principais operadoras do país - TIM, Claro e Vivo - passaram a utilizar a banda de 700 MHz para o 4G após o fim da TV analógica no ano passado.

De acordo com as análises da Opensignal, após a mudança, o tempo que os usuários das 10 maiores cidades brasileiras passaram conectados ao 4G aumentou em pelo menos 4%. Porto Alegre, que recentemente registrou os melhores índices de velocidade 4G na América do Sul , foi a cidade brasileira que apresentou a maior evolução na disponibilidade de sinal, ou seja, na proporção de tempo que as pessoas têm acesso à internet móvel: quase 10%.

"As licenças móveis nas faixas de 700 MHz são muito procuradas, uma vez que a frequência relativamente baixa é ideal para propagação de rede em uma área ampla. Por ser uma faixa de frequência mais baixa, ela oferece também boa penetração em edifícios e lugares fechados, o que é muito importante nas grandes cidades", avalia Peter Boyland, analista da Opensignal.

A velocidade de download também apresentaram avanços importantes nas principais cidades do país. Manaus foi a capital que observou a maior evolução, com quase 5 Mbps a mais de velocidade em relação ao ano passado, o que representou aumento de 50%. Todas as demais cidades analisadas avançaram em 3% ou mais, com exceção de Porto Alegre, que observou uma ligeira queda na velocidade do 4G devido a um maior congestionamento das redes ocasionado pela melhora da disponibilidade de sinal.

A Opensignal também avaliou a porcentagem das medições de velocidade de download 4G na faixa de 700 MHz e constatou que o uso do espectro já é generalizado. Pelo menos 16% das análises de dados foram de usuários conectados aos 700 MHz nas 10 maiores cidades, com a maior proporção, de 27%, na capital Brasília.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

03/06/2020
Claro bate rivais em banda larga móvel, TIM tem a menor latência

28/04/2020
Uninove e Vivo Empresas firmam parceria por conexão móvel gratuita para alunos e professores

07/02/2020
Femtocells terão tratamento igual a dos roteadores Wi-Fi na Anatel

14/11/2019
Liberação da faixa de 700 MHz aumentou velocidade e tempo de uso do 4G

25/10/2019
FCA e Sebrae lançam desafio de até R$ 100 mil para carro conectado

23/09/2019
UIT: Mundo tem dificuldade para levar Internet aos 3,7 bilhões desconectados

14/08/2019
Melhor horário para navegar no 4G é às 4 da manhã na América Latina

23/07/2019
TIM e Vivo vão compartilhar redes 2G e 4G em 700 Mhz

29/03/2019
Um terço dos brasileiros desperdiça dados móveis

26/03/2019
4G em 700 MHz já está liberado em 5.090 municípios

Destaques
Destaques

Tempo é um luxo que o Brasil não tem para fazer o 5G

Pesquisa da Omdia, ex-Ovum, em parceria com a Nokia, mostra que, nos próximos 15 anos, o 5G vai gerar R$ 5,5 trilhões para o País, sendo o governo beneficiado com o adicional de quase R$ 1 bilhão em receita com os serviços 5G.

Covid-19 fez smartphone virar agência bancária com 41% das transações financeiras

As transações bancárias feitas por pessoas físicas pelos canais digitais foram responsáveis por 74% do total de operações analisadas em abril, revela a Febraban.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site