TELECOM

Telefônica diz à CVM que desconhece planos para comprar Oi

Luís Osvaldo Grossmann ... 17/09/2019 ... Convergência Digital

Provocadas pela Comissão de Valores Mobiliários depois das notícias – acompanhadas por alta das ações – de que a Telefónica teria planos de comprar a Oi, a noiva cobiçada e o braço brasileiro da tele espanhola responderam desconhecer tais tratativas. 

“Informamos que não temos conhecimento da possível origem das informações veiculadas pelo jornal espanhol e pela Broadcast, de modo que, nesse momento, entendemos que não há qualquer fato relevante a ser comunicado a respeito”, diz a Telefônica Brasil no documento encaminhado à CVM nesta terça, 17/9. 

Na véspera, o jornal digital espanhol El Confidencial noticiou que a Telefónica teria contratado o banco Morgan Stanley para avaliar a aquisição total ou parcial da Oi. 

No mesmo comunicado, a Vivo “informa que está tomando providências para averiguar junto à Telefónica S.A., acerca do conhecimento de informações a respeito do referido assunto que deveriam ser divulgadas ao mercado”.

Igualmente provocada pela CVM, a Oi respondeu ainda na noite de segunda-feira que “desconhece por completo a informação veiculada acerca de qualquer eventual proposta de compra dos ativos da companhia por parte da Telefônica Brasil”. 


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Teles fazem campanha por conta digital sem papel

Segundo Sinditelebrasil, 76 milhões de clientes ainda recebem faturas impressas todos os meses – em média, 152 milhões de folhas. 

Consumidores reclamam de proposta da Anatel que reduz conselho de usuários

Idec e Coalizão Direitos na Rede apontam que novo regulamento do Cdust prevê apenas um conselho nacional por operadora, no lugar dos 30 regionais atuais. E que agência suspendeu eleição com 300 mil votos. 

Projeto que torna roaming obrigatório passa na CCT da Câmara

Medida, que na prática já é prevista em leilões de espectro, vale somente para Vivo, Claro, Tim e Oi. 

STF nega recurso e TIM vai pagar multa de R$ 1 milhão por “Ilimitado” e “Liberty”

Em ação iniciada ainda em 2012, Ministério Público do DF reclamou de publicidade enganosa e restrições unilaterais nos contratos. Em nota, TIM “reitera o compromisso com a transparência das suas ofertas de planos e serviços”. 




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G