Home - Convergência Digital

Brasil terá 6,2 bilhões de downloads de aplicações móveis até 2023

Ana Paula Lobo* - 18/02/2020

O 5G representará mais de 10,6% das conexões móveis do mundo em 2023. A média da velocidade do 5G será de 575 megabits por segundo, ou 13 vezes mais rápida do que a média da conexão móvel, aponta o Cisco Annual Internet Report, relatório anual da fabricante sobre Internet, divulgado nesta terça-feira, 18/02. Com capacidades avançadas de desempenho, o 5G propiciará infraestruturas móveis mais dinâmicas para IA e novas aplicações da IoT, incluindo carros autônomos, cidades inteligentes, saúde conectada, vídeos imersivos e outras.

O levantamento prevê 20 milhões de conexões 5G no mundo. No Brasil, as conexões 5G serão 6% do total de conexões móveis existentes em 2023. A velocidade média do 5G no Brasil será de 595,5 Mbps em 2023. Durante a teleconferência de apresentação dos dados da pesquisa, Hugo Baeta, diretor de vendas para Operadoras da Cisco do Brasil, reforçou que a utilização de aplicativos moveis seguirá com forte demanda.

Redes sociais, streaming e downloads de vídeo, aplicativos de produtividade, comércio eletrônico e jogos vão impulsionar o crescimento das aplicações móveis, com cerca de 300 bilhões de downloads até 2023. No Brasil haverá 6,2 bilhões de downloads de aplicacões móveis até 2023, acima dos 4,9 bilhões registrados em 2018.

Globalmente, o vídeo continuará sendo um forte demandador de conectividade. Em 2023, diz a Cisco, 2/3 das conexões por smart tv vão suportar 4k. No Brasil, 56% das TVs serão 4K em quatro anos. "Uma baixa definição pede 2 Mbps de conexão. O ultra HD 4K vai exigir de 15 a 18 Mbps. É muito dado trafegando", observa Hugo Baeta, diretor de vendas para Operadoras da Cisco do Brasil.

O incremento das conexões também terá um forte impulso dos carros conectados, com um salto de 30% nos próximos quatro anos. "O que temos hoje de funcionalidades ou acessórios nos carros com relação à conectividade, serão, daqui a pouco, recurso a vir de fábrica, produzido em série. Não tenho dúvida que o carro conectado será muito mais comum em 2023", reforçou Baeta.

Conheça as principais projeções da Cisco para o período 2018 a 2023:

Projeções globais de usuários de internet e internet móvel mundiais para 2023

•Mais de 70% da população mundial (5,7 bilhões de pessoas) terá conectividade móvel (2G, 3G, 4G ou 5G).

.66% da população mundial (5,3 bilhões de pessoas) usará internet.

Dados Brasil

•Haverá 199,8 milhões de usuários totais da Internet (92% da população) até 2023, contra 164,5 milhões (79% da população) em 2018.

•Serão 181,1 milhões de usuários móveis totais (84% da população) até 2023, contra 169,7 milhões (81% da população) em 2018.

Projeções globais de dispositivos e conexões para 2023

•Haverá 3,6 dispositivos/conexões em rede por pessoa, e quase 10 dispositivos e conexões por residência.

• Quase metade (47%) de todos os dispositivos e conexões suportarão vídeo.

• As conexões máquina a máquina (M2M) com suporte para uma ampla gama de aplicações de IoT representarão cerca de 50% (14,7 bilhões) do total mundial de dispositivos e conexões.

Dados Brasil

• 3,5 dispositivos de rede per capita até 2023, acima dos 2,4 per capita em 2018.

•76% de todos os dispositivos em rede estarão no segmento de consumo até 2023, em comparação com 81% em 2018.

•24% de todos os dispositivos em rede estarão no segmento de negócios até 2023, contra 19% em 2018.

•No Brasil, os módulos M2M serão responsáveis por 45% (338,9 milhões) de todos os dispositivos em rede até 2023, em comparação com 27% (138,2 milhões) em 2018.


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

27/10/2020
Claro: 5G DSS não é marketing. É real e faz muito sentido no Brasil

26/10/2020
Americanet inicia testes de rede 5G em Pindamonhangaba (SP)

26/10/2020
Governo da Itália usa poder de veto e manda empresa cancelar acordo com Huawei

20/10/2020
EUA pressionam Brasil a banir Huawei em troca de financiamento para 5G

19/10/2020
NASA leva 4G e projeta 5G na Lua

15/10/2020
5G: Teles insistem em filtro nas parabólicas e rejeitam migração da TV

14/10/2020
Curso online gratuito da Huawei sobre 5G é agendado para 15 de outubro

14/10/2020
Sem antenas, Belo Horizonte pode ficar sem 5G

09/10/2020
TIM e TIP, liderado pelo Facebook, criam ambientes de testes OpenRAN na Inatel

08/10/2020
TIM: 5G do marketing chega logo, 5G de verdade, só depois do leilão

Destaques
Destaques

Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

Estudo do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) revela que, hoje, faltam quase 15 mil antenas e torres para ofertar o serviço necessário para a digitalização do agronegócio. Os números foram revelados no Painel Telebrasil 2020.

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site