TELECOM

Alerta de desastres por SMS chega a cidades do Paraná

Convergência Digital* ... 12/06/2017 ... Convergência Digital

Depois do ‘piloto’ em Santa Catarina, Anatel e Defesa estendem a partir desta semana o sistema de alerta de desastres naturais por SMS a cinco cidades do Paraná, onde vivem mais de 100 mil pessoas. Para receber avisos de iminência de desastres, os interessados precisam se cadastrar. O serviço é gratuito. 

Nesta fase, os municípios contemplados com o serviço de alerta serão Prudentópolis (48.792 habitantes), Santo Antônio do Sudoeste (18.893), Querência do Norte (11.729) , Rondon (8.996) e Salto do Lontra (13.689). 

Os usuários de telefonia móvel que moram nessas cidades vão receber a seguinte mensagem convocando para adesão ao projeto piloto: "Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse". 

O recebimento das mensagens é opcional.  Ao fim do registro, o usuário receberá uma mensagem que vai informar que o celular está apto a receber alertas e recomendações de Defesa Civil. Também será possível cancelar o serviço por mensagem de celular.

A expectativa é que o sistema esteja disponível para todo o país até o final deste ano. O serviço de alerta via SMS é custeado e operacionalizado pelas empresas de  telecomunicações , sem nenhum custo para o cidadão e nem para o governo.

Os órgãos da Defesa Civil estadual e municipal estão orientados a fornecer informações mais detalhadas e a tirar dúvidas da população. Será realizada campanha de divulgação nos meios de comunicação destas cidades. 

Os dados são do Cenad (Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres) e Defesa Civil dos estados e municípios e a implantação do projeto está a cargo da Anatel, em parceria com a Defesa Civil e Ministério da Integração. 

O projeto piloto começou a funcionar em fevereiro em 20 cidades de Santa Catarina, onde moram mais de 500 mil habitantes. Estas cidades foram escolhidas por conta de eventos meteorológicos com potencial de acidentes, entre eles ressacas, vendavais, alagamentos, enxurradas e granizo.

* Com informações da Anatel


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Abranet: Revisão do marco de telecom tem que abrir espaço para voz no SCM

Entidade diz que a revisão do marco legal de telecom exige uma avaliação do mercado de telefonia no Brasil, com ajustes regulatórios capazes de abrir o segmento aos prestadores de SCM, com recursos de numeração e sistemas de áreas de tarifação nos moldes da telefonia celular.

Anatel vai licitar posições de satélite, mas muda termos para atender Claro e Hispamar

Proposta de leilão de 15 posições orbitais entrará em consulta pública por 20 dias. Mas como aumentou o prazo das atuais licenças dessas empresas, foi preciso alterar o edital. 

Orquestração de rede 5G é prioridade da Ciena

Fabricante descarta uma produção local no curto prazo, mas se surgirem oportunidades, a avaliação será feita, conta o gerente geral da Ciena no Brasil, Fernando Capella.

American Tower: "Seguimos olhando todo ativo compartilhável"

O CEO da companhia, Flavio Cardoso, diz que o investimento redundante em fibra óptica por conta do 5G não é eficiente e que é preciso pensar na economia comparitlhada. "Nós queremos ser os gestores desses ativos para evitar conflitos como o do uso dos postes nas grandes cidades."




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G