INOVAÇÃO

Serviços de voz estão mais vivos do que nunca na jornada digital

Por Roberta Prescott e Pedro Costa ... 28/06/2019 ... Convergência Digital

Os assistentes virtuais vieram para ficar. São mais de 100 milhões de assistentes virtuais no mundo e este número há quatro anos era irrelevante, mas hoje passou de tendência para realidade, destacou Douglas Silva, chefe de negócios e desenvolvimento de mercado de serviços financeiros da América Latina na Amazon Web Services. E para quem acha que a voz morreu, o especialista diz que é um erro de avaliação.

"O serviço de voz está se fortalecendo e, especialmente, entregando serviços financeiros por voz vai acontecer de diversas maneiras", destacou Douglas Silva, chefe de negócios e desenvolvimento de mercado de serviços financeiros da América Latina na Amazon Web Services, Eem entrevista à CDTV, do Convergência Digital, no Ciab Febraban 2019, realizado de 11 a 13 de junho, em São Paulo.

Para o executivo, os serviços por voz no setor bancário vão se intensificar tanto no internet banking e no celular como dentro do carro e da casa do cliente por meio de assistentes pessoais. Ele reconheceu que o mercado brasileiro começou a jornada da voz há muito pouco tempo, mas disse que está evoluindo com algumas instituições já dispondo do serviço. "Acreditamos que nos próximos 24, 36 meses ele vai evoluir de apenas serviço informacional para transacional, permitindo ao cliente realizar transações como pagamentos e transferências", disse.

Silva também comentou sobre como a evolução das tecnologias e adoção de inteligência artificial contribuem para o aprimoramento dos assistentes de voz e sobre a evolução da segurança para proteger. "Nós vamos ver, nos próximos dois, três anos no Brasil, a parte de serviços entregues por voz tendo o mesmo caminho de evolução [que o mobile banking]"


Cloud Computing
Microsoft, pressionada pela Europa, atualiza cláusulas de privacidade em contratos de nuvem

O órgão de vigilância de dados da União Europeia iniciou, em abril, uma investigação para avaliar se os contratos da Microsoft com a Comissão Europeia e outras instituições da UE cumpriam as regras de proteção de dados.

Brasil monta centro para dados, IoT e industria 4.0 com Fórum Econômico Mundial

Sede será instalada no Instituto de Pesquisa Tecnológica de São Paulo e deverá entrar em operação no primeiro semestre de 2020.

Economistas lançam livro sobre Inovação associada à economia do compartilhamento

Paulo Bastos Tigre e Alessandro Maia Pinheiro analisam o impacto dos novos negócios, sob a ótica da academia, na economia digital.

ANAC faz consulta pública sobre futuro dos drones

Órgão regulador da aviação civil quer ouvir a opinião da sociedade sobre como conduzir a operação das aeronaves não tripuladas no País. Consulta irá até o dia 05 de fevereiro de 2020.

Iluminação inteligente é uma das apostas da NEC com Internet das Coisas

O gerente de soluções da engenharia da NEC do Brasil, Eduardo Ribeiro, diz que a fornecedora- que atua como orquestradora de soluções- criou uma plataforma multisegmento, baseada em inteligência artificial, para acelerar a adesão dos serviços inteligentes nos municípios brasileiros.

TIM: 5G vai democratizar o uso da robótica

À frente do projeto do robô Joquinha, criado para atender ao maestro João Carlos Martins, em parceria com a SPI Integração e a Nokia, a operadora considera que a robótica poderá redefinir um parque fabril de forma rápida e produtiva. "Estamos construíndo uma nova etapa", salienta o head de Inovação da TIM Brasil, Janílson Bezerra.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G